terça-feira, 18 de julho de 2017

CONCLUSÕES DA REUNIÃO DA COMISSÃO POLÍTICA DO PSD/MADEIRA 18-07-2017


Governo reduziu impostos 
e repôs rendimentos


O PSD/Madeira reuniu hoje a sua Comissão Política. Desta reunião resultaram as seguintes conclusões:

1-      A Comissão Política destaca a mobilização dos seus militantes e simpatizantes em torno dos candidatos apresentados pelo PSD/Madeira. Estamos certos de que todos reúnem o perfil, as condições e as qualidades necessárias para abraçar este desafio autárquico e cumprir com os objectivos propostos.

2-      O nosso caminho é inequívoco: continuar a promover políticas de proximidade com as populações com o objectivo de divulgar e construir projectos que vão ao encontro das necessidades das populações e dos municípios. O PSD/Madeira tem consigo os melhores quadros, não apenas para continuar o desenvolvimento dos concelhos em que somos poder, como também para retomar o crescimento nos concelhos que estão sob gestão de outros partidos e que entraram num marasmo que consideramos muito preocupante.
3-      Cumpridos pouco mais de dois anos do mandato do Governo Regional, a Comissão Política releva o clima de recuperação económica e social que se tem verificado na Região Autónoma da Madeira. Registe-se a dinâmica empresarial e a confiança, com os indicadores a revelarem um crescimento do investimento em quase todos os sectores da nossa economia, o que tem reflexos na diminuição do desemprego, que atingiu em Abril deste ano, o seu valor mais baixo desde há seis anos.
4-      Neste quadro de retoma económica, o Governo Regional assumiu e cumpriu dois compromissos essenciais para os Madeirenses: a redução de impostos e a reposição dos rendimentos. Em 2017, a redução do IRS devolveu 6,5 milhões de euros às famílias madeirenses, sem esquecer a redução das taxas de ISP, da acomodação da descida do IVA na restauração e a reintrodução do Subsídio de Insularidade na Madeira, no valor de 4,5 milhões de euros, e que beneficia mais de 19 mil famílias madeirenses.
5-      A Comissão Política aproveita para relembrar alguns dos assuntos que continuam pendentes entre a Região e República por manifesta falta de vontade política desta última: o financiamento do Novo Hospital, a revisão do Subsídio de Mobilidade, os juros da dívida, as dívidas dos subsistemas de saúde, as receitas dos Jogos da Santa Casa, a sobretaxa do IRS ou as verbas dos incêndios
6-      A Comissão Política congratula-se também com a aprovação, na especialidade por maioria, na Assembleia da República, de uma iniciativa do PSD que coloca um fim à confusão jurídica em torno do direito dos trabalhadores da Câmara Municipal da Ribeira Brava e à alteração do posicionamento remuneratório por opção gestionária. Com esta iniciativa, os 68 funcionários da Câmara Municipal da Ribeira Brava, que em 2015 foram notificados para devolverem dinheiro, já não o terão de fazer, corrigindo-se uma situação de injustiça.
7-      A Comissão Politica reafirma a aposta e a importância do Centro Internacional de Negócios da Madeira para a economia regional. O seu sucesso exige a permanente procura de estabilidade e a transmissão de confiança aos agentes económicos, princípios estes que estiveram na base da opção de renovar a concessão com o actual concessionário e que veio a permitir um aumento dos rendimentos directos para a Região, de 39% para 62%. Uma renovação que, reitera-se, foi feita dentro do quadro legislativo vigente.
8-      O Comício de Verão do PSD/Madeira realiza-se no dia 18 de Agosto no Porto Santo.
9-      Por último, a Comissão Política apela à presença de todos os simpatizantes e militantes do PSD/Madeira na Grande Festa Popular do Chão da Lagoa do próximo domingo, dia 23 de Julho, um acontecimento social e político que demonstra a força e a importância da social-democracia no presente e no futuro da nossa Região. 

Funchal, 18 de Julho de 2017

A Comissão Política do PSD/Madeira

17 comentários:

Anónimo disse...

E então. Trataram do assunto do Cardoso Jardim ?
Veremos se aquilo melhora no Renovadinhos.

Anónimo disse...

Façam a vossa simulação do IRS e alterem o domicílio fiscal para os Açores e vejam o que receberiam.... isso é que se chamam reduzir impostos?????

Anónimo disse...

Como diria um meu amigo: De vitoria,em vitoria ate a derrota final (outubro) que ja se sente no ar.... Fostes....

Anónimo disse...

Tudo a Reboque da evolução positiva tanto financeira como económica que o País atravessa do Governo Central de António Costa ao contrário de tudo aquilo que foi feito por essa figura fúnebre que vai poluir os ares da Madeira no próximo domingo e que é muito amiga do Miguel Promessas Falsas.

Anónimo disse...

Estes estão noutra dimensão que mais ninguém vê lololl

Anónimo disse...

Bla Bla Bla Bla....

Anónimo disse...

Comentário das 21,17h
Verdade, Verdadinha só não ve quem não quer.
Diferença abismal de governos.

Anónimo disse...

A sala está vazia?
Se já nem aparecem a estas reuniões como é que vão aparecer na herdade chão lagoa.
Apregoam aos militantes para aparecerem,fazer número,mostrar força .
Sábado passado fizeram um grande convívio de macarrão na herdade,dezenas e dezenas a comer á fartazana.
Os militantes foram convidados? Não, só os queques importantes e os que se julgam como tal, mais os amigos e conhecidos.
Militantes só servem para fazer número de modo a garantir lugares e tachos.
A mim na qualidade de militante ninguém me convidou para o macarrão (tenho quotas dia).mas vão andar atrás a pedir ajuda para a campanha e o voto no PSD.
Só sirvo para fazer número e deixar dinheiro nas barracas?
Esqueçam os meus votos,sim porque cá na família somos uns poucos?
Disseram-me que foi um sorteio de barracas. Certo,então o que é que mudou neste partido.fazem igual ou pior,é preciso ir vinte por cada barraca?

Anónimo disse...

Ó das 00.28, o teu comentário não é muito esperto.
Então se é uma reunião da comissão politica só devem estar os membros da mesma. Querias que estivesse cheio de povo, com a "laranginha" à cabeça ?

Anónimo disse...

A redução de impostos e reposição de rendimentos, deve-se, exclusivamente, ao Governo da Republica.
O que nós queremos é acabar com o PAEF!

Anónimo disse...

Não foi ainda desta que trataram do problema do Cardoso Jardim.
Continua hoje no Renovadinhos aquela saga desinspirada. Malha no presidente Tranquada, de quem havia dito bem, há dias, em artigo assinado (é a lei das compensações ou contrapesos), mais umas banalidades, conseguindo um parágrafo final um pouco melhor, onde fala sobre o estado da desgraça da região.
Enfim, continua a falta de inspiração.
Com certeza que os amigos Cervejeiro, Sem Malícia e Betinhos, entre outros, já devem sentir saudades de ter as orelhas quentes. Então o Betinhos que anda a aprender, com esforço, a dizer a palavra bananicultores...

Anónimo disse...

MENTEM DESCARADAMENTE COMO SE FOSSEMOS TODOS TOTÓS! cLARO QUE AINDA EXISTEM MUITO TOTÓS MAS A TENDÊNCIA É PRA IREM ABRINDO OS OLHINHOS....

Anónimo disse...

Comentário das 09,22h
Todos os dias esta personagem tenebrosa logo pela manha anda a ENXOVALHAR O ALBERTO JOÃO JARDIM que foi um Presidente estimado e amado pelo seu povo, quem colocou a Madeira em marcha que ainda hoje tem muito capital politico.
Com isso perdem muitos e muitos votos, estão a se colocar a jeito, o Povo quando marcha, marcha.

Anónimo disse...

Mais uma enchente, como aquelas que se veem nas seDes quando o Miguel Promessas aparece para apelar no voto e na mobilização dos aue foram escolhdos , sabe.se la porque. Isto vai levar ao voto util e consequentemente a queda . Venha outubro e nova alvorada. Psd atento

Anónimo disse...

Muito bem comentador das 11.08.
Saída em defesa de Cardoso Jardim, já que actualmente ninguém o defende.
Assina a comentário. Pode ser que assim ele te dê uma medalha.

Anónimo disse...

Convinha qualquer dia o menino do comentário das 09,22 e 14,03h ter em mente o pedido de asilo, pois este constante denegrir de uma Figura Ilustre como o ALBERTO JOÃO JARDIM ainda vai-lhe sair caro.
O Povo é sereno até um certo período, julgo que qualquer dia nem a Air Alves o ampará.

Anónimo disse...

Comentarista das 15.40.
Deves ser mais carenciado de asilo, já que andas à procura de tacho e se calhar ainda não conseguiste.
Fica-te bem defender Cardoso Jardim, já que ninguém o faz.
Arranja-lhe matéria para os escritos no Renovadinhos, porque aquilo nos últimos dias tem sido uma sensaboria. Nem como leitura de casa de banho pela manhã aquilo serve.