sábado, 8 de julho de 2017



Sinto-me enojado!






Gil Canha


Hoje, dia 8 de Julho, cheguei a casa pelas duas da madrugada. A família já estava deitada, com a excepção do meu gato Bonifácio que, a partir da cozinha, me lançou um olhar de mau-presságio. Como o gato tem andado meio estranho… nem liguei, e fui para a sala folhear a revista Nacional Geographic que me tinha chegado a casa. Entretanto, o meu telemóvel indicou-me que tinha uma nova mensagem, abri, e li esta pérola:
A RTP/Madeira diz que a Ordem dos Arquitectos aponta o Albuquerque como o único responsável pelo Savoy. E tu também apareces na TV a reforçar a palhaçada!
Fiquei meio baralhado. De facto, no fim da tarde de ontem, participara no debate sobre o Savoy, promovido pela OA. Então, movido pela curiosidade, resolvi ver a gravação do telejornal da RTP/Madeira. 

E o programa abriu, com a jornalista a afirmar o seguinte: - Miguel Albuquerque é apontado pela Ordem dos Arquitectos como responsável pela construção do polémico hotel Savoy. Seguidamente, aparecem imagens da visita dos parlamentares da Macaronésia à região e cenas de rally. Depois, a jornalista recomeça, e fala da existência de planos de urbanização que podem conduzir a situações semelhantes à do Savoy, e no final, profere: 
 - Antigos Vereadores responsabilizam apenas Miguel Albuquerque pela construção do hotel!
Seguidamente, aparece a Dra. Violante Matos a reforçar essa afirmação, depois o Arq. Luís Vilhena a fazer o mesmo, e finalmente, apareço eu, a dizer isto:  - Refiro aqui, frontalmente, e não estou a aqui a fazer uma caça às bruxas, que o pai inicial foi o dr. Miguel Albuquerque, e critiquei-o várias vezes olhos nos olhos… (E CORTAM!.. OS SENHORES DA RTP CORTARAM O QUE EU DISSE A SEGUIR)  e que a mãe do aborto era o sr. Presidente Paulo Cafofo, pois no Diário até chegou a confessar, não eu, que tinha agilizado o processo de licenciamento)
E porque é que os manipuladores da RTP/Madeira cortaram aquilo que eu disse?! Porque montaram e confecionaram toda a reportagem no sentido de fazer crer ao público que todos os ex vereadores, incluindo eu, tinham dado como único responsável pelo mastodonte o dr. Albuquerque. QUANDO É MENTIRA! A MIM NÃO ME FAZEM DE PALHAÇO NEM DE ATOR DE OPERETA BUFA! NÃO ALINHO EM INTRUJICES NEM ADMITO QUE USEM A MINHA IMAGEM PARA RELES AÇÕES DE PROPAGANDA!
Eu acuso, e acusei, j´accuse! Que Paulo Cafofo também é responsável por esta desgraça, ALIÁS, É A MAMÃ DO ABORTO!
Este tipo de jornalismo mete-me nojo, faz-me lembrar a ex União Soviética, e nos vinte anos que combati o jardinismo, nunca vi uma manipulação televisiva com este grau de requinte e bestialidade! E hoje mesmo, mal acorde deste pesadelo, vou a correr à RTP/Madeira exigir um direito de resposta. A MIM NÃO ME ENFARDAM COMO SE FOSSE UM EMBRULHO DE PALHA PARA GADO!
Também achei leviano e trauliteiro meterem no mesmo baralho a Ordem dos Arquitectos. A ordem NÃO CONCLUIU que há UM culpado, DOIS, TRÊS ou VINTE culpados pelo mamarracho! Promoveu sim, um proveitoso debate e cumpriu de uma forma elevada e cívica o seu papel, e ponto final! Aliás, as dezenas de presentes que estiveram nas instalações da OA, o meu ex camarada de armas, Nuno Morna, e o Arq. Rui Campos Marques também são testemunhas dos factos que acabei de descrever.
E mais ainda, o sr. Arq. Roberto Rodrigues (também deputado na ALRAM) e o sr. Arq. Pedro Araújo, que também participaram no debate, referiam igualmente que não foi só a anterior vereação a ter culpa nesta tragédia urbanística, a actual Câmara também é cúmplice deste monumental crime contra a nossa cidade (depois tive que abandonar a sala, e não sei se houve mais intervenções) mas, não houve esse tal unanimismo relatado pela RTP/Madeira de UM ÚNICO CULPADO!  
Agora vejo que há gente a querer escrever livros, outros a querer lavar as mãos do aborto, outros ainda a ligar máquinas de lavar gigantes para branquear a actuação criminosa de Miguel Albuquerque e de Paulo Cafofo. Mas uma coisa fica para a história da infâmia: HÁ OITO ANOS, EU E O DR. BALTASAR AGUIAR FOMOS COM UM CARTAZ GIGANTE À REUNIÃO PÚBLICA DA CÂMARA TENTAR DEMOVER OS VEREADORES DESTA LOUCURA!  E nem a Câmara nem a sociedade civil se manifestaram, pois era coisa de loucos, de gente maldizente e inimigos do desenvolvimento!

26 comentários:

Anónimo disse...

O jornalismo na Madeira não é de confiança. O DN está controlado pelos poderes políticos de tal forma que até os comentários dos leitores no site do DN, que antes eram livres, são agora controlados e censurados. O AFA apropriou-se do JM, tendo sido o empreiteiro que mais ganhou com o regime do PSD, ninguém está à espera que agora o JM vai ser um jornal credível. E nem sequer com a RTP Madeira se pode contar.

A comunicação social na Madeira anda pelas ruas da amargura. Pior do que não haver jornais e informação televisiva, é termos a informação truncada, facciosa, deturpada, manipulada.

Devia era vir a SIC para a Madeira, instalar cá uma delegação e investigar as negociatas, doesse a quem doesse.

Albatrozdomar disse...

Pois, eu também vi e achei que a ordem dos arquitetos estava a ser muito ou toda tendenciosa, pois ao ver os interlocutores e em resume parece-me que a preocupação era a acusação do Albuquerque.
Força Gil
Abraço

Anónimo disse...

Pai inicial? Pai é pai, Senhor Gil. O pai e a mãe são Miguel Albuquerque e a sua vereação. O monstro teve progenitura completa, muito antes da actual vereação.A Dra Violante explicou muito bem, com a sequência dos factos e indicando toda a documentação.
Sr Gil, o povo tem mais cabeça do que o Senhor está a pensar.

Anónimo disse...

Isso faz lembrar quando o presidente do Instituto das Florestas foi afastado pelo Albuquerque. Nunca ninguém soube muito bem o motivo do afastamento. Soube-se depois de que teria sido porque o Dr. Miguel Sequeira não tinha cartão laranja. Na RTP Madeira apareceu uma reportagem sobre a remodelação no governo e pelo meio estranhamente aparecia a imagem do Dr. Miguel Sequeira. Mas foi estranho porque diziam qualquer coisa sobre o caso mas sem sentido, como se aquilo tivesse sido cortado. Deve haver alguém na RTP Madeira que quando a noticia está pronta vai lá e faz uns cortes. Parece que vivemos na altura da PIDE e da censura. Cruzes credo.

Também… se dizem que a RTP-MADEIRA é a RTP-SOUSAS, está tudo dito. Se os Sousas estão se pouco lixando para os madeirenses prejudicando a Madeira com os seus monopólios e preços caríssimos nos transportes, como é que a RTP Madeira alguma vez vai produzir informação competente e isenta?

Anónimo disse...

Sr. Gil Canha, acerca de alguns meses atrás o Sr. Câmara do DN, provavelmente a mando de alguns amigos da LPM, organizou um almoço num restaurante conhecido da nossa cidade e convidou o Miguel Torres Cunha. Esse almoço serviu para apresentar o Iglésias ao Miguel Torres. Recordo-me que a colega que estava a servir aquela mesa comentou que ouviu o Sr. Câmara a afirmar categoricamente de que o Sr. Iglesias era uma excelente pessoa e que o Sr. da RTP deveria ouvi-lo e colaborar com ele pois o mesmo seria o futuro.
Não achou estranho nos últimos meses ver Cafofo tão protegido e inclusive a aparecer mais vezes na RTP a nível nacional? até fez uma abertura de um telejornal para comentar o estado da nação, o que foi ridículo.

Anónimo disse...

Essa ordem é propriedade dos dos xuxas, não podiam esperar outra coisa, pois de desenhadores pouco qualificados só dá para enganar e encher os bolsos, ...

Anónimo disse...

E as facturas do parque de estacionamento?? A mulher de Cesar não basta parecer

Anónimo disse...

Estive naquela sala e a Ordem dos Arquitectos não chegou à conclusão que a RTP/Madeira transmitiu. E o Gil apontou responsabilidades a ambos: O Albuquerque e Cafofo! SOU TESTEMUNHA!

Anónimo disse...

Houve um dos participantes no debate, que disse que para além dos responsáveis pelo mamarracho do Savoy ser o srº Miguel Albuquerque e o srº Paulo Cafôfo, os principais responsáveis pelo aparecimento destes "abortos" na cidade do Funchal e na Quinta do Lorde são o Ministério Público e os Tribunais! Perante a violação dos PDM's e das regras urbanísticas, o MP tinha o dever de acusar quem violou a lei, e os Tribunais o dever de condená-los! Como até agora isso não aconteceu, nem vai acontecer, o mesmo participante disse que iriam surgir mais "savoys"! Nas notícias que vi até hoje ninguém referiu este assunto de responsabilizar o MP que tem o dever de nos representar, nos casos de violação grosseira das leis e das regras urbanísticas! O mesmo participante no fim chegou à conclusão que isto está entregue à bicharada! Ou seja aos "patos bravos"!

Anónimo disse...

Força Sr. Gil,
Continue denunciando este bando de interesseiros, Albuquerque foi o "pai" mas o Cafofo é o "el padrinho" e não sei o mal pior, volte para a Câmara depressa que é o seu lugar

Anónimo disse...

Eu sabia que o pai era Albuquerque e Rubina desLeal era a mãe. Oh Gil andas muito ressabiado. Vai na lista do PSD e ainda és eleito. Assim só ajudas o cafofo na dispersão de votos anti-cafofo.

Anónimo disse...

Se estes renovsdinhos fossem inteligentes e tivessem vergonha na cara estavam caladinhos que nem ratos que quem tem telhados telhadoes de vidro não pode andar a pedrada

Anónimo disse...

O Dionisio Andrade falou no debate sobre a vergonha do MP. Se no caso da Quinta do Lord e outros atentados o MP tivesse feito o seu papel, não acontecia esta pouca vergonha. Gostei da tua intervenção de ontem. Força contra a bandidagem!

Anónimo disse...

RTP Madeira nos ultimos anos só serve os lobiies...especialmente o dos Sousas e amigos ou socios..pois foram os mentores dos Diretores

Anónimo disse...

Atenção cafofiano anónimo das 12:23,hoje, o Canha responde no DN, penso que vem borrasca a caminho!

Anónimo disse...

O Diário está a branquear o Cafofo pior que a Violante. Sabem, já fecharam a porta aos artigos de opinião do Donato Macedo. Quem se mete com o Cafofo leva! LEVA DO DIARIO!

Anónimo disse...

Concordo e confirmo o comentário das 10:06, os comentários no DN são controlados.

É também concordo com os anónimos que alegaram que os verdadeiros responsáveis pelo incumprimento do PDM é o Ministério Público.

SIA disse...

no caso do Savoy a caravana continua a passar

anónimo disse...

A CMF assume ontem em notícia no DN que autorizou o aumento do índice de construção com a alteração de área técnica por área comercial. Esta condição viola o índice previsto no plano de urbanização. Vale tudo!

Anónimo disse...

Este só agora é que descobriu que a RTP manipula a informação! Há tempos a Pedra aparecia todos os dias, até metia nojo!

Anónimo disse...

Quem é que paga a agencia de comunicação contratada pelo Cafofo , o que sai da camara não basta por isso é preciso outras fontes de receita , estão a perceber ou é preciso um desenho ?

Anónimo disse...

A Luis Paixão Martins é a agência de imagem de luxo de Portugal contratada pelo Cafofo para as autárquicas. Será que o Cafofo foi buscar o dinheiro com ajuda do DN? Não estará o Zé Canelas do DN por detrás do saco azul que alimenta a LPM?

Anónimo disse...

Podem dizer o que disserem e a Violante mais um Matagal podem escrever livros que lhes apetecerem e encherem banheiras de lixívia para branquear a ação do Cafofo, mas uma verdade é esta: foi o Gil Canha e o Baltasar Aguiar os primeiros a denunciar o crime do Savoy!

Anónimo disse...

A Violante diz que só agora vai fazer queixa ao MP, está a brincar? Andou calada este tempo todo com o Eng. do MRPUPUM e só agora acordou...porque o seu Cafofo é cumplice do assassinato urbanistico.

Anónimo disse...

Valha-nos o Fenix...

Anónimo disse...

O Hotel Savoy é e será sempre o edifício mais belo do Funchal e arredores desde que a prespectiva paisagistica seja considerada a partir do terraço onde dali não se consiga ter alcance sobre a volumetria de tal obra de arte mas usufruir de tão belo anfiteatro que o rodeia..resumindo, é o mais belo edifício desde que não se o veja mas tudo em seu redor...parabéns ao arquitecto.