quarta-feira, 17 de maio de 2017

Apresentação esta quinta-feira em Câmara de Lobos



38 comentários:

Anónimo disse...

O Chapeleiro da CMF e antigo dirigente do mercado dos Lavradores, Não Vai!!!; que pena!!!. Esta ocupado a organizar almoços SECRETOS, na rua das hortas de apoio à Rubina Leal.O problema é que, só meia dúzia de militantes do PSD, funcionários da Câmara, à que foram convocados, causando a revolta nos outros.
mais um trunfo para o Cafofo.

Abre o Olho Rubina Leal, enquanto é tempo.

Anónimo disse...

Lanço aqui um repto ao dono do blogue fenixdoatlantico: o debate livre é fundamental em democracia mas textos de cidadãos supostamente anônimos ( que toda a gente sabe que são arregimentados do psd renovadinho ) sem um mínimo de qualidade intelectual ou política não deviam ser publicados. O mesmo se diga de comentários de carácter pessoal a roçar a boçalidade. Sem querer imiscuir me na gestão do blogue ou na liberdade de opinião mas seria uma mais valia para a elevação dos debates e dos pontos de vista. O blogue é um importante espaço de liberdade não o degrademos com coisas xenófobas intoterantes e acéfalas que tenho lido por aqui bem haja cumps

Anónimo disse...

La estarei certamente para ouvir o maior estadista e homem de visão que a Madeira teve na política e cuja memória por razões políticas corriqueiras alguns insistem em denegrir

Anónimo disse...

A propósito da notícia do FN da demissão da dra tomasia Alves e do link que a mesma tinha para os curricula dos nomeados fiquei estupefacto com o conteúdo dos mesmos e não se percebe como é que estas pessoas foram nomeadas para tão importante é complexa área não querendo ser maldoso nem tendo nada contra a senhora só pode ter sido uma valente cunha porque aquele currículo não tem nada de gestão da saúde ( bom tem umas aulitas na escola de enfermagem mas isso seguramente não chega ) Sinais dos tempos. Não admira uma lista de espera de 18 mil pacientes muito pacientes

Anónimo disse...

Gostei muito do: - à que foram Lolol deve dizer se é que foram lolll impagável eu à que sei 😂😂😂😂

Anónimo disse...

Concordo em absoluto liberdade sim mas é preciso elevar o nível senão é um debate carroceiro digno da praça do peixe

Anónimo disse...

Seguramente um sapo que o senhor secretário teve de engolir

Anónimo disse...

Alberto joao sempre foi um Keynesiano e sempre entendeu que o desenvolvimento e o crescimento implicavam investimento público e sempre teve presente que o ppd psd é um partido social democrata e não neo liberal como o do passos coelho e dai ter elevado o nível de vida da população madeirense que era a mais pobre do país. Mostrou se sempre um homem que pôs os interesses da região acima dos seus custa me vê lo a ser achincalhado na praça pública por devaneios políticos sobretudo vindos da renovação que nasceu e cresceu a sua sombra. Até o aparecimento do passos coelho ninguém questionava a liderança e a política de AJJ c passos e a sua estratégia de o derrubar surgiram os cuba livres o paeff etc o fantasma da dívida que era igual a nacional etc fizeram o delfino que não escolheu ser o seu sucessor numa jogada vergonhosa de antecipação assente na maledicência do AJJ e da dívida e nos argumentos da oposição. E teve sucesso. Mas como se pode ver por estes dois anos está liderança renovadinha não governou não teve estratégia limitou se a governar se e a dar tachos aos amigos e compadres. É assim urgente criar uma alternativa que sem o líder histórico mas com a sua visão e apoio faça renascer o ppd psd na Madeira. Disse

Anónimo disse...

Aproveitam tudo e mais alguma coisa para manchar as câmaras da aposição,em especial Funchal e santa cruz.esquecem-se que foram nessas que deixaram mais dívidas.
Seria interessante o vereador se esquecer de mandar funcionários da câmara limpar a festa do chão da lagoa da herdade do machadinho.nunca lá fui mas desta vez até ia para registar.para isso a câmara já presta,os funcionários são do melhor que há, a frota também.
Por falar em câmara,na calheta a ponta do véu está a ser levantada,não é?
Desculpem, não tenho ideia de nenhumas averiguações de contas a câmaras que não são PSD.
Presidentes detidos ou com penas suspensas há? Não sei estou a perguntar?
Para verem do que esta gente é capaz basta olhar para o que se passa na Ribeira brava,deitar fora,jogar para canto um presidente vencedor só por capricho de lá meter amigos,sim,porque se Nivalda avança, a ver para o IHM vai Rui Marques para compensar o facto de empurrar o ganância da ponta sol.
Então vocês acham que uma pessoa no seu perfeito juízo vota neste PSD?

Anónimo disse...

Sr. Luís Calisto! Já vi que há gente que lhe quer ditar regras de debate neste blog, como se o sr. não fosse o decano dos jornalistas madeirenses! Faz-me lembrar a argumentação do Salazar para não permitir que toda a gente com mais de 18 anos pudessem votar, porque não tinham bagagem intelectual! Se isso se aplicasse na mamadeira jardinzinho não tinha os votos dos "patas-rapadas", e por isso nunca chegaria ao poder! Há cada anedota, que é mesmo para rir!

Anónimo disse...

O Pedro era pura e simplesmente o jurista mais laxista e negligente que lá passou e a Fabricia em gestão (só se for de esforços)nem da própria área sabia. Bons e perfeitos para vogais deste conselho faz de conta encabeçado por Tomásia que esbulhou a escola hoteleira. Ai Albuquerque.. Os teus dias estão contados.

Anónimo disse...

Aliás até por isso se topa o baile que o Costa e o Centeno estão a dar em temos económicos ao passos e ao Gaspar de má memória. O que temos por cá agora é uma versão mais rasca do passos coelhismo

Anónimo disse...

Basicamente estou de acordo com o comentador das 21.10.
Acho degradante alguém que teve o percurso de AJJ, que a história um dia devidamente julgará, ser achincalhado da forma como o tem sido.
O grande problema é que, no fundo, AJJ colhe os ventos que semeou.
Basta ver que até o MP recorre para a relação, onde a primeira instância o absolvera, com argumentos fortes e contudentes.
Na verdade é a velha máxima: quem semeia ventos, colhe tempestades.
Tudo aquilo que fez e disse de alguns adversários políticos, está-lhe a ser retribuído.
E, não o ajuda nada a guerra surda que faz ao seu próprio partido, de diferentes formas.
Mas é pena.
É uma grande verdade que, na vida, seja em que sector fôr, devemos saber sair pela porta grande, e afastarmo-nos da anterior actividade.

Anónimo disse...

Vou estar presente. Não posso perder.

Anónimo disse...

Ser Keynesiano à custa de crédito para o qual não há cobertura orçamental (daí o recurso às sociedades de desenvolvimento), é burrice em qualquer época. Isso aprende-se em qualquer faculdade de economia.
Costa e Centeno aproveitam a conjuntura, sem quaisquer medidas estruturais, e, levaram o investimento público quase a zero.

Anónimo disse...

"Alberto joao sempre foi um Keynesiano" como afirma alguém acima mas faltou à aula em que Keynes defende que o Estado, no ciclo económico expansionista, deve precaver-se de forma a poder intervir no ciclo seguinte que será necessariamente de crise. Usar os recursos públicos para manter-se no poder e beneficiar os amigos tem outro nome e devia ter consequências num país decente.

amsf

Anónimo disse...

cruzes não digam que ela volta p escola hoteleira?? Chissa deixa ficar lá pode ser que lhe tratem da saúde lol

Anónimo disse...

Nao se trata de ditar regras trata se de elevar a qualidade do debate ou vc concorda com um debate eivado de laivos xenófobos insultuosos de carácter pessoal de qualidade básica? Será que o candidato que apoia seja ele qual for usa esses argumentos em debates na TV??? Põrk serão admissíveis aqui? Bom o blogue não é meu a sua qualidade bloguista não me compete determinar só estava a querer que se fizesse um debate sério e elevado c ideias dados concretos propostas estratégias etc mas já vi que perco o meu tempo e latim. Vamos lá a avacalhar que somos um povo superior fiquem bem p mim não da reservo me para o dia do voto

Anónimo disse...

Caro Alberto. La estarei . Isto vai ser melhor que qualquer comício contra os engomadinhos. Aqui vamos iniciar o juntar de forças para o congresso de dezembro. Ha que dar o sinal de partida num partido que ta partido e em cacos. Vamos uni.lo naquilo que e o pos Queque como a nível nacional. Psd atento.

Anónimo disse...

Desde o deslumbramento cavaquista com ccb e cousas que tais o país viveu assim não foi exclusivo do AJJ até que puseram nas mãos do passos coelho uma agenda ideológica neo liberal que foi p além da troika e qye em termos economics nao serviu para nada dado que a dívida pública até aumentou não é por acaso que a economia é como a meteorologia

Anónimo disse...

Cardoso Jardim dá hoje no Renovadinhos vergalhada da grossa no Betinhos, que finalmente teve uma ideia de jeito. Não percebe que se o IVA da aguardente e da poncha não baixar, não há exportação destes produtos. Só percebe é de as beber.
Hoje apresenta a sua obra de ficção Relatório do Combate à Democracia, apresentada pelo seu amigo Guilherme, causídico a quem deu centenas de milhares de euros a ganhar, como advogado dos seus governos. Isto numa estimativa por baixo.
Mas Guilherme virou-lhe a casaca ao aceitar ser número 1 do conselho regional dos renovadinhos, numa bela jogada de Miguel promessas só para chatear Cardoso Jardim.
Esperamos ver o líder da coligação cafofiana / verdinha / blocoguida / sós cidadãos / Rebelo, nesta importante apresentação literária, cujas repercussões se esperam ser de quilate grandioso.
Dizem que depois do Elucidário Madeirense não há coisa de tomo semelhante.
Aguardemos pela apresentação da obra de tal prócer.

Anónimo disse...

Página 15 do DN de hoje. Está lá tudo.
Dá para escrever outro livro. O nome pode ser Relatório Criminal.

Anónimo disse...

Pois. Pois... Comparem apenas os dois primeiros anos de cada mandato destes presidentes e vejam a diferença. E nao venham com a treta do dinheiro e do apoio do Estado que foi igual, porque quem ler a historia e nao as historietas de alguns cromos que por aqui andam veem as diferenças. E mais nao digo. Psd atento

Anónimo disse...

Mais uma glória para a política desportiva de AJJ, a equipa técnica Madeirense, superiormente comandada por Leonardo jardim, elevou o Mónaco a campeão de França.

Anónimo disse...

Foi isso mesmo. Sem os governos de Cardoso Jardim, o outro Jardim, o Leonardo, ainda estava a tratar da fazenda e a servir no restaurante do Pai.
Se o Mónaco tivesse sido campeão há uma semana, ainda dava para fazer uma adenda ao Relatório de Combate à Democracia sobre esta vitória da política desportiva dos governos de Cardoso Jardim.

Anónimo disse...

não esquecer que se trata de uma carta anônima o que não conseguiram c o processo vai dai pimba carta anônima enfim é a região que temos é só para arrastar a cousa nos jornais p descredibilizar ajjj mas a obra está aí e a história tb. Agora o qye não conseguem esconder nem c os favorzinhos do DN e do FN é o fracasso da vossa governação renovadinha em 2 anos

João Barreto disse...

Há dias, numa estação de correios do Funchal, enquanto aguardava a minha vez de receber o reembolso de uma viagem aérea a que alguém batizou com o epíteto miserabilista de "subsídio de mobilidade", vi exposto nos escaparates o livro que vai ser hoje apresentado. À falta de melhor entretenimento para ocupar os largos minutos de espera a que se sujeitam os cidadãos da Madeira para ver concretizado um direito constitucional e estatutariamente consagrado, estive a folhear a dita cuja obra.
Numa apreciação tão superficial quão sumária foi a leitura,direi apenas que o Dr. Alberto João foi (ainda é...) melhor político e orador do que é escritor e que verifiquei, uma vez mais, que a memória, sobretudo a do próprio interessado na narrativa, pode ser bastante seletiva. Em suma: se não foi uma perda de tempo porque não tinha melhor que fizesse no momento, foi certamente um excelente alerta, o qual muito agradeço aos Correios de Portugal, pois assim não cairei na tentação de, por mera curiosidade, gastar dinheiro na aquisição da obra em questão.

Anónimo disse...

Lindo de ver a assistência na apresentação do Relatório de Combate à Democracia de Cardoso Jardim.
Para além de antigos governantes do "grande lider", estavam alguns beneficiários do regime: os Henriques, o Sousa da Quinta do Lorde, o Camacho do Regency que ainda vai gozando de liberdade enquanto não há decisão do recurso da pena que o condenou a prisão efectiva.
Tudo bons rapazes, a máfia no bom sentido.

Anónimo disse...

Há aqui uma "virgem ofendida" que está chocada com o nível do debate no grande blog Fénix! Mas há alguém nesta "terreola africana" que foi dirigida por um ditador de seu nome Bokassa que mais insultava os jornalistas e os seus adversários políticos? Os profissionais da comunicação social que não lhe faziam fretes eram tratados de " bastardos para não chamar filhos da p..." Aos adversários políticos chamava-lhes "rafeiros, cachorros e outros impropérios" e que foi classificado pelo jornal espanhol "El maestro del insulto". E depois vêm uma virgem pedir elevação para com quem sempre insultou os outros! Há cada anedota!

Anónimo disse...

Relatório de Combate em favor da Máfia, um bom titulo para o livrinho

Anónimo disse...

Comentador das 21.13,

Estavam esses da máfia da segunda liga, porque os grandes tubarões da primeira liga já lá não estavam. O que, até é natural.
AJJ já não tem nada para lhes dar, e eles agora têm campanhas de outros para pagar.
É a tal história dos ratos a abandonar o navio.

Anónimo disse...

A prova da idoneidade dos renovadinhos está nesta circunstância não apareceu nenhum ao evento. Se eles tratam assim o líder histórico do partido que os fez nascer para a política ( e alguns enriquecerem sempre gostava de saber como se enriquece na CMF c um mero cargo mesmo bem pago) já podem imaginar o que não farão aos outros. Uma verdadeira canalhice de gente que não presta que está a dar cabo do partido do governo e da região se n forem postos no olho da rua. Alguma vez tem a estaleca o berço e o chá do AJJ? Uma corja

Anónimo disse...

Calma aí. Estava o presidente do conselho regional renovadinho, o causídico Guilherme.
Até foi ele o apresentador do Relatório de Combate à Democracia.
E o Cardoso Jardim convidou algum renovadinho ?
Também não eram precisos lá. Tinha aquela máfia a quem o Cardoso Jardim fez encher bolsos.
E o amigo dele, o Cervejeiro, estava lá ?

Anónimo disse...

Coitado deste grande Estadista que fez tudo pela Madeira ao contrário de outros e foi renegado pelo seu próprio partido que ajudou a fundar e agora tem de bater a porta alheia.
Tenho pena e por aqui se ve o que é este Renovadinho PSD de Albuquerque/Rubina Leal.

Anónimo disse...

Há bom remédio para isso. O "grande estadista" (cruzes canhoto) candidata-se em dezembro, e submete-se ao voto democrático.
Veremos se os seus pares não o escorraçam mais uma vez, e assim não precisa de apelar ao voto nos cafofianos.
Há sempre solução.

Anónimo disse...

Oh gente, que sonha alto... O AJJ já acabou! Não há volta a dar! Fim de história!
Força PSD... Deixa falar os ressabiados!!!

Anónimo disse...

Em Dezembro Venceremos com a ajuda do nosso Grande Lider.

Anónimo disse...

Sempre vão candidatar o Cafofo ?