sexta-feira, 26 de maio de 2017

Negas e demissão no Laranjal porto-santense




PSD todo escaqueirado
na Ilha tutelada por Albuquerque


Miguel Albuquerque ao chegar às Angústias avisou solenemente que os assuntos do Porto Santo reportariam directamente à sua presidência. Pois o desleixo tem sido tal que o partido sob sua liderança nem consegue preencher na pequena Ilha uma lista para as autárquicas!



Gregório Pestana, aqui num prospecto com o chefe regional, recusa-se a estar presente no velório do partido e ameaça demitir-se.



Miguel Albuquerque, patrão do PSD (mais propriamente ex-PSD) corre um sério risco de ver o seu partido perder as eleições de Outubro num concelho de que publicamente assumiu responsabilidade directa enquanto presidente do governo - o Porto Santo. Depois de, ao nível regional, descartar todos os candidatos social-democratas derrotados em 2013, o líder laranja ficará em maus lençóis se perder na Vila Baleira, pelo menos moralmente.

Na realidade, a Ilha do Porto Santo foi desprezada nestes dois anos. A menos que um novo caminhinho seja uma obra do outro mundo. Outras promessas, como a escola, não conseguem arrancar. Até a enfardadeira, muito útil aos agricultores, está parada há um ano porque não há uma miséria de 100 euros para consertar aquilo. O candidato Castro já pegou no assunto. 
Isto para não entrar nos problemas de fundo que afligem amargamente 5 mil pessoas e que são do conhecimento geral.
O PSD-Porto Santo, partido que já teve muita influência na Ilha, encontra-se literalmente desactivado. A sede está fechada aos militantes desde há um ano e ninguém sabe sequer onde pagar as quotas.
Veja-se o velório alaranjado em que se tornou o processo das autárquicas. Tudo começou com uma reunião em que o presidente da comissão política local, Bernardo Caldeira, pediu aos comparsas nomes de pessoas com perfil para candidato à câmara. Os presentes torceram o nariz. Mas lá indicaram uns nomes. Só que surgiu a ideia de que melhor seria encomendar uma sondagem a ver quem teria mais possibilidades de desalojar da câmara o actual presidente Filipe Menezes, eleito em 2013 pelo PS. 
Troca, baldroca... faltava a destroca. Então, Caldeira convoca nova reunião para dizer que o assunto estava resolvido, sem sondagem nem mais consultas aos comissários: o cabeça-de-lista seria Idalino Vasconcelos, presidente da Junta.
Os social-democratas porto-santenses estranharam tanta trapalhada seguida. Ouvindo a explicação: era o Funchal que queria assim. Mais: Idalino já estava indicado havia um ano. 
De enlouquecer.
Comentário de militante: pronto, Jocelino mexeu os cordelinhos e encheu os ouvidos a Rui Abreu.

O incêndio ficou latente, à espera de reacendimento a qualquer instante.
Mas não houve incêndio. O assunto derivou para o cochicho das catacumbas. 
A reunião para anunciar Idalino foi em Fevereiro. Daí para cá - já lá vão 3 meses - ninguém mais soube do que andam a fazer Idalino e o partido. O que se sabe é que não andam a fazer nada. O candidato dá umas saltadas aos Açores, possivelmente dentro do seu trabalho de agente de viagens, e passa uns pedacinhos de tempo a levar negas de pessoas a quem convida para a sua lista. Mais nada.
O PSD-Porto Santo não consegue constituir lista, essa é que é essa! Estamos a falar da Ilha que Albuquerque escolheu para dela tratar directamente!
Pode ser que, à força de insistir, Idalino consiga um ou outro candidato a vereador. Mas precisa de ser rápido. O histórico social-democrata porto-santense Gregório Pestana já tomou a decisão de saltar da caldeirada para fora. Adivinhamos que não está para perder o juízo com tanta trapalhada. Quem sabe se outros não aproveitarão a embalagem?
Gregório foi o primeiro líder da JSD-Porto Santo. Presidente da junta de freguesia de 97 a 2001. Vice da câmara no tempo da presidência de Roberto Silva, com início em 2001, tendo saído dos paços do concelho para entrar como deputado na Assembleia Legislativa. Hoje é presidente dos Bombeiros, cargo muito sensível. Iria deixar-se arder na fogueira que deflagrar do actual vazio? 
As últimas que nos chegam é que Gregório Pestana está mesmo decidido a bater com a porta do Laranjal pela última vez. Se a sede ainda tiver porta. 

A situação presta-se aos rumores, que já enchem a praia desde o Porto de Abrigo até à Calheta. Diz-se que Jocelino Velosa, discreto estratego do PSD na ilha, quer meter na lista de Idalino Vasconcelos subordinados seus do governo. Comenta-se que Idalino finalmente estrebucha e não aceita tantas pressões. Que, de uma forma ou de outra, será Jocelino a mandar no processo de candidaturas e depois na câmara (se, por absurdo, o PSD ganhar). Que, por outro lado, já faltam poucos militantes para Idalino tentar convencer a entrar numa lista da sua confiança.  Sendo o rumor mais insistente das últimas horas uma situação caricata: que Idalino já não será o candidato do PSD.
Não admiraria.
Tudo isto no PSD de uma Ilha que Albuquerque prometeu levar ao colo do governo!
Ah, e outro boato: que chefe Miguel Albuquerque finalmente desceu à terra e, depois das festarolas em Inglaterra, vai ao Porto Santo no princípio da próxima semana, meter ordem naquilo. 
Não é por nada, mas acho que a melhor estratégia que o chefe do desconjuntado Establishment podia fazer era esquecer o Porto Santo para, quando falar aos microfones no dia 1 de Outubro à noite, subestimar a derrota dizendo que nem sabia que tinham feito eleições no Porto Santo.
Neste preciso instante, algum Leitor estará a farpear: mas isso é o que ele devia fazer em relação a 9 municípios!
A responsabilidade é do Leitor.

47 comentários:

Anónimo disse...

Se fosse só ao porto santo que mr. Promessas tem de ir meter a coisa na ordem...
A procissão ainda está dentro da igreja.
Já agora, a primeira página do DN dá conta que a região recebeu 80milhoes da república.governo comunica que não,que foram 15milhoes.
Rubina tem andado por aí a apregoar que da república veio ZERO.
Mentira, porque até sermos bem esclarecidos já vieram 15 milhões. parte deste dinheiro penso que está a ser gasto para festas de modo a que a senhora possa aparecer.festa da flor 3 semanas, festas da sé engalanada como nunca.festas, festas e mais festas.
Faltas de enfermeiros,medicamentos,produtos hospitalares e estes senhores preocupados com festas e mais festas.

Anónimo disse...

Idalino não tem nível para Presidente da Câmara. Aceite ser Candidato à Assembleia Municipal e já é mto bom, podendo desenvolver a sua vidinha comercial. Ele não entende isto? Ninguém do PSD o convence disto?

Gregório já não tem aceitação popular. Dirige um quartel de Bombeiros que é um monstro. Oxalá o Funchal tivesse aquilo. Parte do quartel está fechado, por não haver justificação, nem manutenção. Gregório , claro, que foi conivente.

Jocelino prefere passear-se na praia com a herdeira que deixou no aeroporto e andar de carro do governo de casa ao trabalho e vice versa. Também não seria aceite pela população.

Então quem pode ser candidato do PSD á Nossa Câmara?

Há um Dr Dinarte mto bom. Seria surpresa. Não tem rabos de palha, nem de palmeira .

Enfim.
Previsão de resultados :
PS e PSD 2 vereadores cada.
Castro -um vereador que vai desempatar e Mandar na Câmara.

Anónimo disse...

15 milhões é muito dinheiro. É mais mentiroso quem efectivamente nega que não recebeu nada quando na realidade recebeu esse valor,do que aquele que diz ter mandado 80milhoes quando efectivamente mandou 15milhoes. A questão é que veio dinheiro ao contrário do que tem dito Rubina leal.
Tenho a casa da minha tia ardida e népia de ajuda.
Dinheiro para lanches e festas todos os dias na presidência não falta.dinheiro para andar sempre a viajar também não.
Não é de admirar que está malta ande toda a desmobilizar,ninguém quer ficar na fotografia quando em outubro isto estoirar.
Um militante no seu perfeito juízo não pactua com estas situações e decisões.
Acha que fico imune aos problemas dos outros quando sei que não havia necessidade de os causar?
Que dê barraca agora de modo a que consigamos unir,fortalecer o partido social democrata a tempo das regionais caso contrário ficaremos iguais ao PSD Açores.
Venha o congresso e um líder que olhe olhos nos olhos os militantes e a população em vez de olhar apenas para o seu umbigo e bem estar.
Saudações sociais democratas.

Anónimo disse...

O PSD-Porto Santo (e a administração pública) padecem de um tumor: Jocelino Velosa.
Manda no Bernardo e Idalino e encostou o Nuno Baptista.
Retirem-lhe os cargos políticos antes da hecatombe total.

Anónimo disse...

O PSD Porto Santo é um saco de pulgas.
Ninguém se entende. Todos querem tacho, e só estão no partido para isso.
O Caldeira, coitado, ninguém o respeita. Puseram-no em presidente da concelhia, mas ninguém lhe liga.
O Jocelino quer é o seu ordenado de director regional, e que não o chateiem com trabalho que ele não está para aí virado.
O Idalino é um básico. Como é que o puseram em candidato à câmara. Ele até pode ganhar, porque sabe falar com a populaça e gostam dele. Mas como presidente será um triste.
O Gregorio anda fulo porque já há uns tempos que não tem tacho, e já não se lembram dele para aquilo que é bom.
O Batista é bom rapaz mas não é feito para estas maldades da política.
O Roberto é de longe o mais esperto deles todos, vai pondo umas cascas de banana no caminho daqueles outros, mas não vai dar passos em falso para se queimar.
Quando avançar é par ser ele a mandar, e sem admitir críticos. Por isso espera a altura certa.
Depois há mais uns peões de brega, mas não contam.
Mas aquilo é pior que uma casa de putas. Disso não há dúvidas.

Anónimo disse...

Tadinho do jocelino deixem lá o homem se aguentar até outubro.
Deixem-no contribuir para o tombo do PSD.
Esse é outro igual a tantos outros que andam por cá e que por causa deles o PSD está muito mal visto.
Do mesmo mal nos queixamos,temos um novo rico cá na zona o tal que tem costas largas de um secretário regional e que se julga dono dos prazeres e arredores.
Que continuem até outubro.

Anónimo disse...

O denominador disto tudo chama-se JOCELINO, há muito que esse senhor feudal já deveria estar na rua...

Anónimo disse...

Bem, o melhor mesmo é o Roberto Silva pegar naquilo outra vez e levar o seu pessoal que durante anos punha a máquina a andar e não fazia ondas.

Anónimo disse...

Vejam as fotos da festa da sé.
Tudo em romaria,parece o jantar do PSD Tecnopolo em que todas as chefias e funcionários foram obrigadas a estar presentes.
Só assim, caso contrário ninguém estava para aturar Rubina leal.
Aí tacho o quanto obrigas.
Dinheiro para festas não pode faltar.
Medicamentos, condições trabalho aos profissionais de saúde,produtos higiene, transporte doentes pode ficar para segundo plano porque agora, o que importa mesmo são festas atrás de festas para Rubina leal aparecer.
Se isto não é campanha então o que é?
Usar o facto de ser secretária para estar presente ao lado do secretário que tutela a pasta das festas.
Rubina já parece aquele emplastro que volta e meia aparece atrás de alguém na TV.
Ela é Eduardo quando anda colado a albuquerque.
É este PSD que querem?

Anónimo disse...

Eles estão a fugir todos como uns ratos porque sabem que em Dezembro Manuel António vai varrer com estes renovadinhos que não fazem nada e com esta direção da JSD arruaceira.

Anónimo disse...

Mas ainda existe PSD Porto Santo?!?
Pelo que vejo, são só sombras do PSD Madeira....e sombras muito fracas!!!

Anónimo disse...

O Joselino é o Culpado ?
Cá nada onde foram tirar essa ideia ?
Aí aí Povo Enganado.
Como é possível manter um cromo destes que quando foi a votos no P. S. D. levou Chumbo ?

Anónimo disse...

Estavam à espera de quê com um individuo como o Botija a presidente da Comissão Política!

Anónimo disse...

A história da desagregação do PSD não é difícil de contar, é ate bem simples.

O Idalino nunca aceitou o que o Roberto lhe disse na cara numa reunião da comissão política local em 2013. Na altura o Roberto Silva disse-lhe, com várias pessoas a ouvir, que ele "não tinha perfil" para presidente da Câmara e por isso não seria o candidato, seria o Nuno Batista.

E veio provar-se hoje que o Roberto tinha toda a razão, que o Idalino era fraco, e de tal maneira fraco que hoje nem uma simples equipa consegue formar.

Mas desde aí que o Idalino destila ódio pelo Roberto, que até o levou a fazer campanha contra o PSD nas autárquicas de 2013, mesmo sendo ele candidato do próprio PSD para a Junta. Ficou célebre o que centenas de porto-santenses depois reproduziram e confirmaram que o Idalino dizia por toda a ilha: "votem em mim (Idalino), mas não votem nele (Nuno Batista)".

E Idalino (telecomandado pelo Jocelino Velosa, esse mestre da intriga) lá foi andando à espera da sua nova oportunidade. Mas o problema foi a dose do veneno. O Porto Santo é um meio tão pequeno que durante 4 anos denegrir excessivamente os “opositores” do seu próprio partido traz, a prazo, consequências negativas para todos. Estao a morrer do próprio veneno.

Desde 2013, e depois de ter ganho a Junta com muitos mais votos do que os do PSD para a Câmara, o Idalino só queria fazer oposição ao Roberto e por isso foi se esquecendo do Menezes. Aliás, esqueceu-se o Idalino e toda a comissão politica chefiada pelo chefe-fantoche Bernardo (Botija), pois o chefe-sombra sempre foi o Jocelino. Ninguém contraditava o Menezes.

E o Roberto, coitado, lá ia desmontado as enormes falsidades e trafulhices do Menezes na Assembleia Municipal, sempre sem qualquer apoio do PSD local, partido capturado pelo ódio de estimação do Jocelino para com o Roberto e também do Idalino pra com o Roberto.

Mas o Roberto Silva não está isento de culpas nem pode dizer que foi tudo fabricado. O seu primeiro erro foi nessa fatídica reunião da comissão politica do PSD local de 2013, da qual Roberto era presidente. Isto já depois dele ter deixado a Câmara a meio para saltar para a Assembleia Regional, o que enfureceu o Gregório, outra frente negativa aberta pelo Roberto e deixou na presidência da Câmara um pessoa baralhada e quezilenta como a Fatima Menezes.

Mas quando o Roberto anunciou na reunião que seria ele o candidato à Assembleia Municipal (Autárquicas 2013) foi lhe dito apenas por dois membros da comissão politica, avisados e da sua confiança, no caso o Magno Velosa e o Duarte Freitas, que ele não deveria ser candidato pois a sua popularidade estava má e não seria recuperável até outubro. Foi até sugerido o nome do prof. Fernando Caroto, mas não vingou.

O Roberto não quis saber e não quis ouvir mais ninguém e atirou-se para a frente. Constou até que a tinha a intenção de colocar a esposa Ana Silva em número dois para a Câmara, o que dada a antipatia que o povo tem pela senhora foi mais um prego na popularidade do Roberto. O resultado foi a sua primeira derrota eleitoral. A sua e, por arrastamento, a do Nuno Batista, que sem muita dificuldade seria atualmente o Presidente da Câmara do Porto Santo.

O resto são personagens menores. O Idalino, o Gregório e o Bernardo não têm capacidades intelectuais para a política de hoje. O Castro, igualmente sem capacidades, é uma figura detestável e oportunística que acha que os portossantenses não sabem que a viveu a vida toda à custa do estado e do PSD com a sua empresa falida, com a ACIPS e com o tachinho de diretor do parque de campismo (dois ordenadinhos!). O Nuno Batista é um ingénuo, embora capaz.

Quer o Miguel Albuquerque quer o Rui Abreu estão a milhas disto e não sabem de nada e nem procuram saber. Sempre que estes vêm ao Porto Santo o Jocelino isola-os para não haver conversas incómodas, pois só assim se explica a sua grande inação.

Anónimo disse...

O PSD só vai começar a viver quando o Rei Albuquerque e a sua pandilha de arrogantes for para a rua!!!!!!!

Anónimo disse...

Eu cá não voto Ps depois destes terem me tirado a festa da MTV e também não voto Castro ainda me deve

Anónimo disse...

Boa história anônimo das 00:51, mas ainda faltam umas pequenas partes bem negativas sobre o colono Jocelino?!

Anónimo disse...

O Albuquerque ainda não viu que o Jocelino é a fonte da maioria dos problemas do PSD PSanto! Há na ilha gente que o possa substituir, ele não é o único profeta iluminado.

Anónimo disse...

Jocelino anda sonsinho, na intriga na Ilha...passeando-se na praia ou no café com a secretária. Já devia ter sido posto a andar. Tal como a Márcia das Sociedades.
Estes dois que representam o governo na Ilha, nada fazem e as obras de governo como o edifício da Baiana , estão na mesma. Baiana outra vez fechado com o Verão a chegar. Há nos que aquilo está assim. No último ano esteve fechado para obras. reabriu quase na mesma e fechou. Incompetência grosseira.

O Nuno Batista ganhava.
Nestes 4 anos fez a melhor campanha com as pessoas.
Cordial, competente na sua profissão.
Ganhou experiência
Tem nível
Devia ser Ele o candidato, com um tal Dinarte que já foi falado atrás.
O Mário Silva para Presidente da Assembleia.
O Idalino continuava na Junta
E essa senhora do aeroporto que foi indicada para a assembleia ia para vereadora.

Anónimo disse...

100% de acordo. Aquele que ia ser o maior festival de sempre no Porto Santo o Meneses achou que não serve. Por outro lado o Castro deu o maior calote da ilha do Porto Santo.

Anónimo disse...

Anónimo das 00:51: a sua história parece verossímil...gostei tanto que li até ao fim...

Anónimo disse...

Anónimo das 14:01h, na política não existe coitados. Roberto tem muita culpa neste desmembramento do PSD Porto Santo, mas não é o único. Miguel Albuquerque e Rui Abreu provaram que não são capazes de Governar.O Porto Santo está debaixo da alçada da Presidência, deixa Jocelino na DRAPS, e não faz nada de obra pelo Porto Santo. Deixa o PSD Porto Santo sem qualquer tipo de apoio contra o Menezes. Muitas das vezes parece até que fazem campanha a favor do Menezes.
Esta saída do Gregório, tal como noutras concelhias do Funchal, Santa Cruz, Machico, Ribeira Brava é a prova provada que o Rui Abreu não tem mão para o leme e Miguel Albuquerque anda a ser mau aconselhado. Mas na política não existem coitados, quem não sabe não se meta.

Anónimo disse...

É impressão minha ou o AJJ está a promover candidaturas independentes? O Castro no Porto Santo é um exemplo...

Anónimo disse...

E vocês acham que o Gregorio sai ?
Tão mas é malucos. Ficando ainda pode ser que um dia caia um tacho bonzinho, como deputado (essa é que era).
Saindo, tem direito a quê ? Nada. E ainda tem que fazer a figura do Castro.
Sei que o Gregorio não é muito esperto, mas sabe pensar donde é que pode vir o vento.

Jt Toto disse...

Façam uma reserva cinegética de "caça grossa" na ilha do Porto Santo (nem que para tal seja necessário importar certas espécies ... de África, por exemplo )e aí terão quem dará atenção à ilha ... nada de anormal para quem já pensou importar areia para a Praia Formosa

Anónimo disse...

O PSD Ponta do Sol está todo escaqueirado. A governação actual esfrega as mãos de contente, Virgílio não consegue juntar meia dúzia promete cargo a todos mas não convence ninguém. Outubro está a chegar nada feito , rodeia-se de colaboradores políticos malabaristas,despreza as bases ...penso que vai dar torto!!!

Anónimo disse...

Gregório já tem a Mulher que trabalha para o Menezes...Agora vai de boleia e aguenta Menezes

Anónimo disse...

Já agora porque é que os Portosantenses pagam o preço do bilhete no Lobo Marinho já com o subsidio descontado e os Madeirenses têm de ir às Finanças e receber mês e meio mais tarde?

Anónimo disse...

OMG!! Quem vai unir estas "cacos" todos do PSD Porto Santo?!?
Nem com super cola 3 isto vai lá...precisam urgentemente de renovação!!
Mas já não vão a tempo das próximas eleições...Nem coagindo as pessoas pelo medo como têm vindo a fazer pela calada, nem pagando as viagens aos estudantes que vivem fora da ilha para virem votar!!
Esqueçam os tachos laranjinhas!!
Vocês autodestruiram-se internamente, tanta era a vossa sede de poder...

Anónimo disse...

isto só são os mesmos nomes de sempre.. não tem mais gente? o ps não está melhor, mas não sabem aproveitar.

uns já saíram e as pessoas querem de volta outra vez, quem la esta não sabe ou não quer saber assim não vamos la

Anónimo disse...

Nem o próprio e grandioso Miguel Albuquerque soube tomar conta do Porto Santo, visto que estava em divida com estes últimos devido a recontagem de votos e que deu maioria PSD Madeira para o desgoverno desta região autonóma da madeira. Incompetência é generalizada desde o seu Mor até o seus renovadinhos. As suas e as outras promessas eleitorais tem como fundo o Orçamento Geral da Republica, sendo assim é preferível acabar com estes intermediários que só encarecem a nossa divida com as suas jogadas. Queremos o nosso governador o excelentissimo Drº Alberto João Jardim

Anónimo disse...


Parabéns Gregório Pestana pela coragem demonstrada,ficamos a espera do que vai fazer o Nuninho Freitas tão corajoso e enterventivo até ser menbro da Comissão Política do P. S. D. , agora esta caladinho como um Ratinho.

Anónimo disse...

Conheço o Gregório há muitos anos, desde miúdo, é dos poucos políticos que fizeram pela população, como Presidente da Junta, como Vereador e por causa do medo que o Roberto tinha da sombra que o Gregório começava a fazer, mandou-o para a Madeira para ser deputado e queimar-se. O Gregório tem o coração na boca, e tem-nos no sítio por isso não o quiseram como candidato à Câmara. O Roberto e o Rui Abreu andam a fazer as listas do PSD Porto Santo, para este ter uma derrota ainda maior do que a do Nuno Baptista. E depois prepara-se para tomar de assalto o PSD Porto Santo. O Idalino é um fantoche que diz que não precisa de ninguém e já ganhou por 1700 votos, parece-me que ninguém vai lá votar. Miguel Albuquerque não irá perder apenas o Porto Santo, vai perder o Funchal, Santa Cruz, Ribeira Brava, Porto Moniz, Machico, Santana, Ribeira Brava. Assim é que se trabalha. Em Janeiro teremos congresso extraordinário e em Março eleições Regionais antecipadas, dando lugar a uma nova geringonça agora Regional.

Anónimo disse...

"Perdidos" — em exibição no Porto Santo

Anónimo disse...


O Nuno Freirtas é um Pau Mandado
Só sabe fazer teimas para parecer entelegente
Esta a espera de um tacho na casa da luz mas o Paulo Pita não Autoriza.
Espera sentado só tens o voto do garoupa.

Anónimo disse...


É as Laranjinhas doP. S. D. o que dizem ?
Será que teem alguma coisa na Cabeça. ?
Pois não podem falar Trabaham na Câmara tem medo do Menezes.
Então porque aceitaram o Convite ?
Quando vão ser transferidas para a DRAPS ?
O Elvio foi mais esperto do que vocês,

Anónimo disse...

Aquilo está tão mau para os lados do Porto Santo que o próprio Roberto Silva até já se quer ir embora, corre que vai mudar de ares.

Anónimo disse...

Com este calor o que me apetecia mesmo era uma melancia, mas ainda estão verdes, ficamos com o bebé chorão.

Anónimo disse...

Ó anónimo das 00:2, você não conhece esse fulano que mencionou em último lugar!!! Esperto ele?!? Só se for esperteza saloia....ahahahah....
Ele foi para a DRAPS prq fugiu da escola!Queria a todo o custo continuar como diretor; mesmo com amigos da onça no governo, devido à fusão isso era mesmo ilegal, no entanto fartou-se de pedir à secretaria da educação...isto sei eu de fonte segura, fonte da SRE...não foi atendido...tadinho.... solução?!?? Submeter-se a eleições para novo mandato na escola!! Ui....ai...o medo falou mais alto....medo de perder e voltar a ser um professor qualquer....la se ia o famoso "estatuto", pois é disso que ele vive: de aparências!
O remédio: tacho na DRAPS! E foram todos muito felizes para senpre!

Anónimo disse...

Muitos aqui sonham noite e dia com o Roberto.
Ele também pensa em vocês todos, um por um, desde o acordar ao deitar-se. Não se preocupem, ele está solidário com as vossas preocupações.

Anónimo disse...

Anónimo das 13:59h, só a Lourinha é que sonha com o Roberto. A razão de querer sair.

Anónimo disse...

E lá está o ressabiado do custume.... Oh homem, você já disse isso nos comentários acima, não precisava de fazer um terceiro comentário a dizer a mesma coisa...
E quanto à sua afirmação das pessoas que acompanham a Rubina, é completamente falsa! Ninguém estava lá obrigado! Os que lá estavam são pessoas que a admiram imenso e que a acompanham com todo o prazer!!! Não seja invejoso...
E sim, é este o PSD que queremos!!!
Lololol

Anónimo disse...


Parabéns Gregorio pela Coragem.

Anónimo disse...

Que vergonha seria ter o Castro como presidente.

Anónimo disse...

Só vejo nestes comentários Inveja do PSD Porto Santo.
Preocupam-se demasiado com os tachistas, porque há na verdade.
Mas estar a falar sempre nos mesmos tachistas até já chateia. É o roberto das palmeiras é o elvio o saloio esperto é o bernardo que nada faz é o pedro freitas que quer aparecer é a Fátima silva que caiu de paraquedas como candidata à assembleia é o gregório que amuou porque não lhe deram um tacho como a mulher queria é o nuno batista que perdeu as eleições porque era um pau mandado do roberto e ainda o castro que todos conhecem como um expert em levar empresas à falência.
Só nos resta O Idalino o Salvador da Pátria.

Anónimo disse...

castro em presidente, isso seria passar um atestado de incompetência aos eleitores do porto santo.
Mas isso não vai acontecer, porque a maioria não esquece o arrogante que ele era quando passeava na praia com com ajj e sua comitiva e o seu passado como comerciante era só falência, agora armado em advogado e a pensar que ainda pode chegar a presidente.

Anónimo disse...

Não acertaram numa. O povo sabe ver a verdade, mentir agora será difícil.