segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

O caso da queixa-crime





E DEMISSÕES, NADA ?!



Aqui vai um resumo dos factos:
Processo de Inquérito n.º 459/15.1JAFUN
Ministério Público – Procuradoria da República da Comarca da Madeira
Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP)
2ª Secção Funchal
Denunciante: Clube Desportivo Barreirense
Denunciados: Incertos

Cronologia:
Em 22/10/2015 foi apresentada uma queixa-crime contra incertos pelo Clube Desportivo Barreirense, por publicações no Diário de Notícias da Madeira de 11/10/2015, que ponham em causa o bom nome e reputação do clube.
Recebida a denúncia, o DIAP do Funchal, através da Polícia Judiciária, iniciou a investigação requerendo ao Diário de Noticias do Funchal todos os dados de identificação relativos ao visado e constantes nos comentários naquele matutino, através da sua edição online.
Assim foram recolhidas as seguintes informações:
·      Nome de utilizador: André Reis
·      Email: andrereis1542@gmail.com
·      Email: andrereis1223@@gmail.com
·      IP n.º 89.109.7682-IP Leontina 16:06H
·      IP n.º 84.23.219.127-IP Madeira Tecnopolo 11:50h
Perante esta informação, o Departamento de Investigação Criminal do Funchal enviou um ofício aos serviços da NOS Madeira Comunicações S.A., solicitando mais informações sobre os IP’s supra identificados.
A NOS Madeira respondeu ao ofício em 16/05/2016, enviando a seguinte informação:

Processo
Referencia
IP
Data/hora
Mac. Moden
Equipamento
Marca
Modelo
Cliente
Nome
459/15.1JAFUN
42084663
84.23.219.127
11/10/2015
11h50
005cabf9030
EMTA
hitson
BVW - 3653
1121136
Luís Pedro Aguiar Mota 
459/15.1JAFUN
42084663
89.109.64.202
12/10/2015
16h06
Ligação dedicada em fibra ótica
1543594
Madeira Tecnopolo


Deste modo foi possível ainda verificar os dados dos clientes, nomeadamente:

Nome
Morada
NIF
Luís Pedro Aguiar Mota

210105674
Madeira Tecnopolo S.A.
Caminho da Penteada, 9000-390 Funchal
511101570

Perante os dados recolhidos, Luís Pedro Aguiar Mota foi notificado para o endereço acima constante, para comparecer junto dos serviços do DIAP para prestar declarações.
Em 14 de Dezembro de 2016, Luís Pedro Aguiar Mota compareceu nos serviços do DIAP, onde foi efetuada a sua identificação e onde aquele foi constituído arguido nos autos, com termo de identidade e residência.
Tendo prestado declarações, o mesmo disse:
·      Que é jurista há 7 anos e exerce funções como gestor no Madeira Tecnopolo.
·      Que assume que foi o autor dos comentários;
Pelos dados recolhidos o processo foi apresentado para conclusão, em 14/02/2017, o Ministério Público considera que:
·      O potencial crime tipificado é o crime de ofensa a organismo, serviço ou pessoa coletiva, previsto e punido pelo artigo 187º do Código Penal;


Pois bem … falamos de um administrador executivo de uma empresa com capital público (dinheiro de todos nós) que utiliza a internet da referida empresa para insultar outras instituições. Ou não tem nada que faça, ou é mesmo má fé, mas aqui entre nós só poderá mesmo ser má fé, uma vez que a dita empresa pública atravessa uma enorme crise, com diversas dificuldades financeiras e este Sr. “Gestor Público” ainda aguda mais a situação, não produzindo em prol de todos nós, bem como “afugenta” potenciais novos clientes! 

INCRÍVEL, NÃO É?! Mas será que a “quinta das angústias” anda a dormir? O Presidente do Conselho de Administração do Madeira Tecnopolo “esconde a sujidade de baixo do tapete”?! E esse Sr. ARGUIDO não tem um pingo de vergonha e demite-se?!

Bem-vindo à “República das Bananas” onde tudo acontece e nada se faz!



K-KINTA-KOLUNA

Nota do Fénix - Recebemos a informação de que o processo em causa foi arquivado por carência de fundamento de ofensa a organismo. A mesma informação acrescenta que nos factos que deram origem ao processo não foram utilizados equipamentos do Tecnopólo.

9 comentários:

Anónimo disse...

Esse gajo é director do Nacional.

Anónimo disse...

Demissões ? Isso é lá coisa para gente desta estirpe.
Para isso era preciso ter dignidade.

Anónimo disse...

Já lá vem a clubite aguda. Isto resolve-se e já agora acabem com os apoios ao Futebol e apliquem na educação e na saúde

Anónimo disse...

E como ficou o processo? Será que foi arquivado e estão a ser levantados falsos testemunhos?

Anónimo disse...

Então o Pedro Mota era o Andre Reis ?
Que vergonha, para além de ser pouco esperto. Não deve saber o que é o IP.

Anónimo disse...

O que me preocupa mesmo é como localizaram o homem, dizem que foi um caso de insultos é bem capaz de ser. Mas existe muita gente que diz verdades e é acusada de insultos e acaba muito prejudicado. Restava o anonimato para fazer denúncias mas agora nem isso... O povo é sereno mas quer-se mesmo é que seja manso.

Anónimo disse...

Então um dirigente do Nacional faz comentários com perfil falso a denegrir outro clube ?
Sim senhor, que elevação.
E não há gente com a gente, dizem eles.
Que falta de nível.

Anónimo disse...

"1984" por George Orwell.

Anónimo disse...

Brigas de comadres entre clubes de igual dimensão.