domingo, 26 de fevereiro de 2017

PCP foi à Boca dos Namorados


Alexandre Fernandes denuncia 
ausência de políticas florestais 
no concelho de Câmara de Lobos


O PCP esteve hoje no miradouro da Boca dos Namorados com o objectivo de abordar as políticas florestais no Concelho de Câmara de Lobos. A iniciativa comunista contou com a voz de Alexandre Fernandes, deputado municipal em Câmara de Lobos nas declarações à comunicação social.
Deparamo-nos infelizmente com uma total ausência de políticas de âmbito florestal no concelho. Ao longo destes últimos anos temos assistido a um total alheamento por parte do Município para uma questão que não é de somenos importância e que tem a ver com a erradicação das plantas infestantes.
Falamos dos bem conhecidos eucaliptos e das acácias apenas para dar alguns exemplos. Verificamos que não há qualquer política de intervenção nesta área, nem se vislumbram objectivos de intervenção ao nível da substituição deste tipo de vegetação infestante, por plantas autóctones. Poder-se-á dizer que não existem recursos financeiros suficientes, no entanto, contrapomos dizendo que existem fundos comunitários para este fim e que outros municípios, bem como o Governo Regional, têm utilizado este instrumento para trabalhos de reflorestação.
O que está aqui em causa é a segurança de pessoas e bens, bem como a disponibilidade de um recurso natural tão importante como é a água. A proliferação de plantas infestantes potencia o surgimento de fogos florestais, a erosão, o empobrecimento dos solos, e esgota os recursos aquíferos.
O Município de Câmara de Lobos tem de olhar para a floresta de outra forma e avançar rapidamente para um plano de ordenamento florestal, sob pena de “amanhã” ser tarde demais.
Texto e foto: PCP-M

Sem comentários: