terça-feira, 4 de abril de 2017



Luís Vilhena acusa Governo Regional de querer um saco de dinheiro à custa de apoios às famílias

O deputado socialista eleito pela Madeira Luís Vilhena acusou esta tarde o Governo Regional da Madeira de aproveitamento dos incêndios que assolaram a Região em Agosto. “O Governo Regional gostaria de ter mais um saco de dinheiro para fazer o que quiser”, disse a propósito da proposta de lei da Assembleia Legislativa da Madeira que visa apoios extraordinários no âmbito do programa Prohabita.

“Querem uma lei à semelhança da Lei de Meios aquando do 20 de Fevereiro de 2010 para realizar uma série de obras desnecessárias como um cais de acostagem ou cobrir com betão muros de pedras seculares”, afirmou na Comissão de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação na Assembleia da República.

O socialista garantiu ainda que o Prohabita destina este ano 5,5 milhões de euros para a Madeira quando para o resto do país são 3,5 milhões.  “Penso que não há dúvidas em matéria de solidariedade nacional”.

Luís Vilhena revelou ainda que a proposta da Assembleia Legislativa da Madeira está “perdida no tempo”, lembrando que o ministro das Infraestruturas e Planeamento, Pedro Marques, já tinha dito que o Governo da República ia considerar apoios às famílias que não tinham sido contempladas no âmbito do Prohabita, mediante um caderno encargos definido pelo Governo Regional e que não foi feito. “Não se pode meter no mesmo saco pessoas com seguros e pessoas carenciadas”, terminou, anunciando o voto contra a proposta.
Texto: PS-M

7 comentários:

Anónimo disse...

Calisto. mais uma pérola deste Desgoverno. pelos vistos hoje 4 dias apos inicio da entrega do IRS se descobriu que naõ existe comunicação informática valida dos reembolsos feitos às famílias pelos sistemas de saude (ADSE...). Ora solução é não ligar aquilo que as pp. Finanças tem como mais valia, este ano (sendo anunciada como medida a seguir pela sua eficácia) que é aceitar todo carregamento ja feito pelo Efactura (saude , educação, imóveis etc) e carregar "à unha" tudo, ja que não vale apenas inserir o que pelos vistos falta !!! para quem ja entregou acreditando nesta mais valia paciência volta estaca ZERO e fica mais: `pelo menos mais 1 semana de espera alem do prazo anunciado para o reembolso do IRS (final do mes de abril). lindo será que não houve uma alminha avisada que antes de abril se lembra-se do essencial, que era saber se estava a haver a tal comunicação às finanças????
pergunta-se: sera que não vao haver responsáveis, responsabilidades ou como dizia o outro não"vai ninguém preso" (isto aqui no sentido metafórico da coisa????

Anónimo disse...

E então quando sair a senhora Vice presidente ana clara aquilo vai ficar entregue a bicharada

Anónimo disse...

Anonimo ds 18.51. Isto em qq Estado com governação responsável ja tinha merecido uma explicação a população correta e cabal e nao um comunicadizinho mal parido e com uma redaçao de 1a classe com exemplo da treta e sobretudo nao explicando o essencial que e o contribuinte ter de carregar tudo e no caso de quem ja entregou ter de voltar estaca zero. Isto é inconcebível!!!!

Anónimo disse...

Os bons técnicos deste desgoverno ou fojem ou ficam na prateleira dourada, ou melhor, nem querem sequer estar envolvidos em tamanhas iniquidades que se vao assistindo diariamente.

Anónimo disse...

Mas quem se quer meter c está gente? só mesmo a corja de incompetentes que não fora esta onda renovadinha passos coelhista a esta hora estavam no desemprego faz muito bem a senhora vice do ia saúde dar de frosques a única que sabe alguma coisa mas em terra de incompetentes ser bom faz inveja. Sempre quero ver a renovação no ia saúde lololl já começou bem a treta da consulta do viajante passa para os marmeleiros para ser inaugurado como centro internacional de vacinação ahahahahah e de morrer a rir ahahah o vilao vai achar que é coisa nova e importante agahahah

Anónimo disse...

"Está tudo controlado" só os ignorantes, maldizentes e ressabiados é que não vêm isso. Albuquerque mal vejo a hora de ires cavar o teu jardim de rosas.

Anónimo disse...

Caro anonimo ds 18.51. A perola continua. Hoje o órgão oficial opsss o DN trás uma desNoticia informando que a falha de comunicação interfere tb na falha no atendimento ao balcão. Hahaha e ninguém cibtesta.