domingo, 12 de fevereiro de 2017

Élvio Sousa reivindica



AUTARQUIAS DO JPP FORAM PIONEIRAS 
NO APOIO SOCIAL



Juntos Pelo Povo andaram esta manhã em Gaula.

O Juntos pelo Povo (JPP) esteve, esta manhã, em contacto com a população, na freguesia de Gaula, onde abordou o trabalho social desenvolvido nos últimos anos.
“Quando os mecanismos de Estado, como por exemplo a Segurança Social, não conseguiam dar resposta às desigualdades sociais, às fragilidades socioeconómicas do dia-a-dia, o JPP iniciou em 2008, e depois com executivos de 2009, programas de comparticipação na aquisição de medicamentos para famílias carenciadas”, lembrou Élvio Sousa, secretário-geral do JPP.
Tendo em atenção as necessidades das famílias mais vulneráveis e com fracos recursos económicos “estes apoios chegaram, com regras e com critérios, apesar do voto contra do PSD, que pretendia que estas medidas sociais abrangessem a totalidade dos pensionistas, incluindo os que auferem mais de mil euros, quando a grande maioria dos reformados, com vulnerabilidade social, recebiam pensões abaixo dos 200 euros mensais”.
Élvio Sousa lembrou que, desde 2013, as juntas de freguesia do Município de Santa Cruz  “já inscreveram nos seus orçamentos mais de 35 mil euros para programas de saúde, nomeadamente no que concerne às iniciativas de apoio à aquisição de medicamentos”.

Neste contexto, o JPP orgulha-se de se manter fiel às suas caraterísticas basista e popular, centrando os seus objetivos nas necessidades sociais da população. “É justo reconhecer que o Movimento Juntos pelo Povo assentou os seus programas numa base complementar às falhas da cobertura social por parte da Região e do Estado, e sempre seguiu uma linha de atuação de proximidade com o povo, auscultando-o e procurando responder às suas necessidades", sublinhou Élvio Sousa.
Texto e foto: JPP

11 comentários:

Anónimo disse...

Mais uma mentira dos verdinhos de Gaula! O JPP ainda não existia e os loucos do PND distribuíam sacos de alimentos, medicamentos e dinheiro aos pobres e idosos em frente à Assembleia Regional para denunciar a pouca vergonha do Jackpot que os partidos recebiam por cada deputado, cerca de 7500 euros! Foi devido a essa acção que os outros partidos se viram forçados a reduzir o tão famoso Jackpot em 40%, que mesmo assim fez com que grupos de cidadãos se transformassem em partidos para poderem se lambuzar com os dinheiros públicos! Uma vergonha! É preciso acabar com o jackpot, que não é mais que dinheiro de quem paga impostos!

Anónimo disse...

Isto é quem é vender bacalhau a pataco.
Eu é que fiz melhor, eu é que dei mais.
Viva as eleições.

Anónimo disse...

Lá que isto é uma pouca vergonha com o nosso dinheiro é verdade mas são todos os partidos claro que o bolo de leão vai para o PPD é passeios é gasolina é carros é almocaradas e fazer contratos com amigos tudo a conta da democracia mas com o nosso dinheiro é caso para dizer porra era acabar com estas leises eles que se financiem onde quiserem assim como assim já recebem dinheiro pela porta do cavalo que depois pagam em favores uma vez no governo ao menos não estoiravam o nosso

Anónimo disse...

Grande lata estes Sousas.
Gastam quase 1 milhão de euros com um advogado e agora vêm dizer que apoiam os pobres???? E com advogados disponíveis na Câmara.

Andaram estes últimos 3 anos a fingir que trabalhavam e só fizeram merd@.

Na Câmara, ninguém o leva a sério, só sabem sabem desmoralizar, levantam processos disciplinares a torto e a direito.

Está perto do fim este pesadelo em Santa Cruz.

Ass.: Funcionário municipal

Anónimo disse...

O PSD faz bem pior aos trabalhadores em todos os organismos da RAM, incluindo institutos, toda a administraçao publica vive aterrorizada, perseguem, ameaçam, controlam telefones, computadores, espiam os mails, colocam trabalhadores qualificados na prateleira, escolhem os menos competentes, porque nao fazem frente nem questionem nada....

Anónimo disse...

Querem ver que os verdinhos - que se apresentaram como movimento de cidadãos, prometendo que não se tornariam partido político e agora estão de rabo sentado no 'senado' - inventaram os apoios sociais?
Estão piores do que o Carlos Pereira com aquele cartaz asqueroso dos incêndios de 2016?
Esta gente é psicótica. Vão todos se tratar antes de almejarem representar o povo! Haja pachorra!

Anónimo disse...

Os irmãos Sousa com ares de angélicos... só quem não conhece ou não trabalha com estas peças. Levem-me isto para longe.

Anónimo disse...

Esta e São Vicente serão as únicas câmaras recuperadas pelo PPD. Este JPP desaparecem nas próximas eleições regionais, vão resumir-se à sua insignificância.

Anónimo disse...

São VIcente? Então não é independente o Garcês?

Anónimo disse...

Na minha modesta análise (sendo eu apartidário), aponto para uma derrota esmagadora do PSD em SC. Este partido está perdido neste concelho.

Anónimo disse...

em gaula e santo nem se fala o psd ja desapareceu a muito tempo