sábado, 13 de fevereiro de 2016

Crise na Banca



Manifestação de lesados do Banif



Gera-se expectativa em face da manifestação que terá lugar no Funchal segunda-feira, dia 15.
A concentração, a começar pelas 11h30, será em frente à agência Santander da Rua João Tavira, ex-sede principal do Banif-Madeira. Os seus promotores pretendem que os políticos atentem na situação das suas poupanças e no forte impacto que elas têm numa economia frágil. 
O Governo regional da Madeira, tal como tem feito o açoriano, tem de desenvolver diligências urgentes que protejam a sua população e ponham termo aos graves acontecimentos que tem sucedido com os lesados. 
Existem casos graves de depressão e tentativas de suicídio entre alguns lesados. O Santander não pode pactuar com esta situação e deve, juntamente com o Banco de Portugal, rever os parâmetros dos activos e passivos que estão acordados entre estes - dizem os organizadores da manif. 
Calcula-se que os lesados sejam cerca de 5 mil, só para falar na Madeira e nos Açores.

Outras actividades estão a ser preparadas e podem ser consultadas no facebook "Lesados Banif" através do link:  https://www.facebook.com/Lesados-BANIF-503713196456447/?ref=hl

3 comentários:

Anónimo disse...

Miguel Albuquerque andou a dar a cara na venezuela e áfrica do sul.. agora foge... não se entende.

Eu, o Santo disse...

Perguntei a vários "venezuelanos" se Miguel Albuquerque andou a vender produtos do BES e do Banif. Nenhum confirmou. Nenhum disse que tinha conhecimento.
No entanto um disse me que ele esteve presente numa festa do Millenium há uns anos.

Anónimo disse...

mais um evento para coelho , o grupo do roberto almada , o grupo do sindicato de mão dado com os comunas , os verdes de gaula , o ps mais cafofo e Jaime Leandro darem um ar de sua graça