sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016



JPP ASSOCIA-SE À PETIÇÃO CONTRA VOLUMETRIA DO HOTEL SAVOY




O Grupo Parlamentar do Movimento Juntos Pelo Povo (JPP) reuniu-se com a Delegação Regional da Ordem dos Arquitetos, para se inteirar, junto dos especialistas, sobre a questão que envolve o projeto do hotel Savoy.
O arquiteto Rui Campos Matos explicou os motivos que levou a que esta Ordem apresentasse uma petição dirigida à Assembleia Legislativa Regional da Madeira, onde exige a reavaliação dos índices de construção do Plano de Urbanização já caducado, de forma a fazer cumprir o Plano Diretor Municipal do Funchal e o Plano de Ordenamento Turístico da região. 
O JPP está preocupado com o impacto negativo que uma construção com esta volumetria pode ter na paisagem e com as eventuais implicações negativas para o turismo, principal atividade económica da Região. Por isso, associa-se à petição, que pode ser consultada no seguinte endereço: 
http://peticaopublica.com/psign.aspx?pi=PT79514

10 comentários:

Anónimo disse...

E porque nao tiveram essa iniciativa antes da compra?

Anónimo disse...

Estes tipos são uns cata-ventos de primeira.
De manhã lêem no DN o mais importante e à tarde já estão a fazer uma petição !!!
Expliquem mas é, como é que o vosso dirigente cobrava a arqueologia que andava a fazer nos Açores, e ao mesmo tempo o ordenado de técnico superior na Câmara Municipal de Machico?
A isso, ele nunca respondeu..., um tipo sério, honrado e honesto, eheheheh
Quem o quiser, que o leve para casa.

Anónimo disse...

Estes jpp vão acabar como o Coelho..Extintos !

Anónimo disse...

Esse grupelho tem tendência a acabar....O poder Subiu lhes à cabeça e talvez ,o dinheirinho também! Está a deixar de ser Povo e se tornar CAVIAR!!!!!!!)

Anónimo disse...

já devolveram o dinheiro das Cebolas?

Anónimo disse...


Expliquem lá o licenciamento em Santa Cruz do prédio do Tristão.

Sim violando o plano de urbanização de santa Cruz.

Claro que o promotor é vosso amigo na Ribeira Brava.Claro.

Anónimo disse...

olha, não estão de farda verde.

Anónimo disse...

O JPP desaparece nas próximas regionais, embora nas autárquicas ainda se aguente, mesmo perdendo a câmara de Santa Cruz e algumas juntas de freguesia.

Anónimo disse...

Já repararam que não aparece ninguém a defender o JPP. Sintomático

Anónimo disse...

Ohm anónimos não aparece ninguem a defenfer, porque eles são gente pratica, já não ligam à conscunvilhice, e à má lingua...por isso até ignoram, pois há dias dizia o paulo, que quem não faz nada não tem nada a criticar, quem faz está sujeito... por isso trabalham
Duarte