sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Cafôfo e a matilha das Zonas Altas


Ataques de matilhas 
vs 
Contos na Aldeia de Natal 




Depois de ler o delicioso conto do senhor Gil Canha sobre gatos e vira-latas…
Lembrei-me que em São Gonçalo anda uma matilha, de 15 cães abandonados, que mata indiscriminadamente animais domésticos e animais para consumo. A matilha mata gatos, galinhas e até cabras. Como se não bastasse ainda faz investidas a quem tenta salvar os seus animais.
Onde anda o serviço da Câmara Municipal do Funchal que trata destas questões? Inadmissível a inoperância e a desorientação deste presidente que, ao não retirar os cães da rua, negligentemente põe em perigo a segurança das pessoas, em especial a segurança de grupos mais vulneráveis como crianças e idosos.
O alerta para o problema, que acontece no meio de casas e ruas, há muito que foi dado pela televisão, imprensa e redes sociais.
Mas, tal como em todas as questões de fundo, o Mayor resolve-as com ânimo leve. É só colocar uma maquilhagem e, de placa na boca, anunciar à comunicação social que na Aldeia de Natal vão contar histórias às criancinhas.
Qualquer dia há desgraça! Mas parece que isso não o preocupa. Já quando lhe tocam no ‘bom’ nome o ego exalta-se e a velocidade de resposta aumenta em 500%.
Senhor Cafôfo faça o seu trabalho. Retire os cães da rua. Deixe-se de brincar aos tribunais com o seu ex-vereador, que quem for a ver ainda tem provas do suposto desvio de donativos para as suas campanhas. 

Anti-Matilhas

8 comentários:

Anónimo disse...

Lol, a matilha está a atacar mais pela avenida do Infante e pelo edifício do antiga alfândega, se por acaso ainda não notaram....lol

Anónimo disse...

É melhor falar com o sr. Presidente de Junta da São Gonçalo, que é dirigente da Frente-Mar-Funchal e presidente da Concelhia do PS-Funchal. Santíssima-Trindade é com ele.

Anónimo disse...

A culpa é das pessoas que criam animais e depois colocam na rua depois de grandes e atingirem certa maturidade, porque o filho já não gosta, porque vai de ferias, porque a casa fica suja...aqui a culpa não e de governantes, mas sim da negligência das pessoas. A foto da aldeia de natal acho uma combardia de quem associou a tal tema dos animais. Outro ponto, o canil municipal já ultrapassou a o limite de animais.

Anónimo disse...

Então em vez de dar ao Diário cerca de 20 mil euros por mês porque razão não utilizam esse dinheiro para construir um canil?

Anónimo disse...

E que matilha, desprovidos de bom senso, realmente na ALM acontecem factos irreais, de chico espertismo, de manter e promover individuos aduladores, festas nos gabinetes, regadas com muita bebida assim vai a ALM?!

Anónimo disse...

Essa matilha já mordeu o gato Glésias...

Anónimo disse...

comentador das 1802 , o gato ( ou rato ) iglesias ainda não foi mordido porque ultimamente não sai da toca .
Creio que a miss campanario já se convenceu do mau ambiente provocado pelo gato ( ou rato ).

Anónimo disse...

Vale tudo para o bota abaixo sem fundamentos e sem graça. Assim não se vai a lugar nenhum.Graças a Deus que de vez em quando há exceções.