segunda-feira, 11 de junho de 2018


Via Verde do Medicamento garante segurança no acesso aos fármacos


O grupo parlamentar do PSD reuniu-se hoje com a  delegação regional da Ordem dos Farmacêuticos, tendo o deputado Marco Gonçalves sublinhando a importância da implementação, há algumas semanas, da Via Verde do Medicamento. 
Trata-se de um procedimento que, segundo o deputado, vai garantir que "fármacos que estejam em falta, ou em ruptura de stock, sejam rapidamente repostos aqui na Região, através da associação de grossistas que trabalham nesta área dos medicamentos".

O deputado sublinha que "existe um prazo limite de 12 a 24 horas para que estes medicamentos sejam repostos e estejam acessíveis aos utentes do Serviço Regional de Saúde".
Marco Gonçalves referiu ainda que esta Via Verde é possível devido à celebração de um protocolo entre o Governo Regional e a Autoridade Nacional do Medicamento, sendo muito importante para os utentes, uma vez que lhes garante uma maior "segurança" na prestação deste cuidado de saúde. "Resulta também não só em ganhos de acesso, mas igualmente numa poupança efetiva para o Serviço Regional de Saúde, porque haverá acesso à central de compras do Estado, o que vai permitir a compra destes medicamentos de uma forma mais barata", disse.
Nisto tudo, salientou, "quem fica a ganhar são os madeirenses e porto-santenses porque terão a  segurança de que, em caso de alguma falta, estes medicamentos serão rapidamente repostos na Região Autónoma da Madeira".
PSD

7 comentários:

Anónimo disse...

Mas que dois grandes políticos/bebés, o Dentinho de Leite e o nosso Botija, estamos bem entregues venha 2019 para renovar porque isto está numa Creche.

Anónimo disse...

Grupo parlamentar? Os verdadeiros PSD não se revêm nestes aprendizes.

Anónimo disse...

Acabaram com a unidade. Está tudo dito em relação à vossa preocupação com os doentes.

Anónimo disse...

Legenda da foto: o farmacêutico e os três patetas.

Anónimo disse...

"Vilão Livre"
Olha os meninos da creche,"desculpem os senhores deputados" hoje não estão a brincar com o telemovel a verem no Parlamento sabe-se lá o que, sim, isso ve-se nas horas vagas e não no Parlamento.

Anónimo disse...

Mas o que é que estas songamongas percebem de saúde???

Anónimo disse...

O nosso Botija tardou mas já sabe dizer Binter, gosta do avião que é muito mais confortável e mais a vontade, o problema é ter de levantar o rabinho da cama muito cedo pelas 6h.