quinta-feira, 17 de maio de 2018

Dívidas em questão


Rui Barreto critica 'telenovela'
Albuquerque-Paulo Cafofo


O vereador do CDS-PP na Câmara do Funchal considera uma "triste telenovela" o desentendimento entre a autarquia liderada por Paulo Cafôfo e o Governo Regional de Miguel Albuquerque por causa do suposto incumprimento de dívidas do município para com a empresa pública Águas e Resíduos da Madeira (ARM).

A compita tem ocupado a agenda política mediática da última semana e já meteu ao barulho a secretaria regional do Ambiente e Recurso Naturais, a presidente do Conselho de Administração da ARM e o próprio secretário-geral do PSD, todos alinhando na tese de que a Câmara do Funchal não tem honrado os acordos firmados para amortizar a dívida da autarquia, o que tem sido negado pela vereação Confiança. 
"O CDS já tinha alertado para o facto de podermos vir a assistir à campanha partidária mais longa da história, com provável entrada no Guinness Book, mas não contem com o CDS para joguinhos políticos", explicou o vereador à saída da reunião. "Sobre este diferendo, o CDS quer ressalvar que é a favor do cumprimento integral dos compromissos e acordos celebrados, mas todos nos lembramos que no passado não sabíamos onde acabava a porta da Câmara e começava a porta do Governo Regional e do sector público empresarial. Houve muitas dívidas que foram permanecendo e se avolumando ao longo do tempo porque as entidades públicas não se pagavam entre si. Aquilo que hoje solicitei ao vice-presidente da Câmara, no local próprio, foi que explicasse com rigor se havia incumprimento da Câmara, a garantia que me deu foi a de que todos os compromissos estão a ser honrados. O que está a ser dirimido nos tribunais é a taxa fixa - que entretanto a própria ARM deixou de cobrar, mas existiu entre 2006 e março de 2017 e foi contestada pelo anterior presidente - e os aumentos dos tarifários de 2014, que teriam um custo para os munícipes de 14 por cento na factura da água, e outro aumento de 21 por cento em 2017. Aquilo que foi objecto de acordos no passado, o município está a pagar, o que não está a ser pago e que o Governo quer executar pela via fiscal, é o que a Câmara contesta porque ainda não foi decido pelos tribunais, e isso também não me parece razoável. Enquanto eu for vereador nesta casa, pugnarei sempre pela verdade, transparência e pelo cumprimento escrupuloso da legalidade. E os funchalenses o que pedem e querem é que a Câmara e a ARM se entendam."
PP

13 comentários:

Joao Barreto disse...

No meio desta confusão toda, entre interpelações e contra interpelações, os funchalenses gostariam muito de saber (preferivelmente, com comprovação documental) qual é a dívida da CMF com a ARM e qual é a divida do GR com CMF. Depois de muita conversa, esta questão não foi esclarecida de modo a que o cidadão comum entenda. A CMF deve ao GR o quê, de quê e desde quando? O GR deve a CMF o quê, de que e desde quando?
Isto é o que o povo que paga as contas da água e residuos tem de saber.

Anónimo disse...

Que grande jogador de Xadrez.
Joga em dois tabuleiros
Ora Cafofo, ora Albuquerque
Acreditam neste senhor?
São todos uns santinhos estes CDS (s)
Como diz o Povo...
" É a praga do escaravelho"

Que lata....

" Enquanto eu for vereador nesta casa, pugnarei sempre pela verdade, transparência e pelo cumprimento escrupuloso da legalidade"

O que lhe acontecia se fosse muçulmano?
--Se este senhor fosse islamista, mandavam-lhe cortar, o dedo, o pé, a mão e depois a Língua.
Claro tudo em nome de " Maomé"
Seria obrigado a virar-se para Meca e rezar de cu para o ar a vida inteira

Anónimo disse...

Finalmente alguém que faz uma intervenção de jeito nisto.

Anónimo disse...

Afirma este benfeitor

" Enquanto eu for vereador nesta casa, pugnarei sempre pela verdade, transparência e pelo cumprimento escrupuloso da legalidade"

Confesse publicamente a jogada que fez em aprovar o PDM, se durante toda a campanha, dizia que o CDS não aprovaria....
Confesse quem favoreceu....
Confesse que lesou o Povo, principalmente de classe baixa e média
Tem uma lata.....
Que Deus nos acuda...

Anónimo disse...

Este barrete é um cafofiano de gema, e nada de interessante tem a comentar

Anónimo disse...

Outro aliado do mentiroso

Anónimo disse...

Muito bem Dr Rui Barreto. O povo agradece o esclarecimento. A Madeira precisa de pessoas como o senhor.

Anónimo disse...

Rui, és um vendido! Por isso o CDS nunca ganhara nada contigo.

Anónimo disse...

Aliado do PSD como fizeram no Continente e nos levaram a pele e osso.

Anónimo disse...

Falou com o vice mentiras... E com a ARM para ouvir a parte deles?

Anónimo disse...

Claro está que a novela continuará, porém, e enquanto se assiste à guerra de "dois galos" a lutar freneticamente pela liderança do galinheiro, eis que se esquecem de outros galinheiros (concelhos), dentro dos quais ocorrem tremendos crimes. Lembra-me a história repetida do casamento real e das agressões no Sporting. O certo é que com estes camuflados, o povo esquece-se de coisas tão importantes como a corrupção a acontecer no nosso país, a violencia que mata cada vez mais, o caso dos incêndios, o roubo das armas e muitos mais assuntos que acabam no esquecimento de todos nós. O " populismo" tão baladamente falado, é perigoso e considero que a imprensa nacional é colaborante assíduo desse perigo.
O Fénix começa a fazer parte dos seus colaborantes, publicando " bilhardices" ente uns e outros. Julgo ser necessario manter-se o objetivo do site, tornando-o um lugar próprio para expressar o descontentamento do povo madeirense.

João Barreto disse...

Se o Sr. anónimo está a falar do Barreto que assina o comentário, está muito enganado. Se está a falar do Barreto vereador, já não garanto.

Anónimo disse...

O CDS está bem entregue a Rui Barrete