segunda-feira, 21 de maio de 2018


Ratazanas abatem carvalho e técnico pago pela Câmara passa a perito nacional


Notícia de Fevereiro vendida como nova 
e com outra roupagem




Adérito Esteves

Este sábado foi publicada uma notícia que repetia uma outra de Fevereiro passado. Desta vez higienizada para ajudar a Câmara do Funchal no assunto que ela mais teme. A tragédia do Monte. É apresentado o estudo do perito contratado e pago por Cafôfo, e que começou a fossar logo após a queda da árvore, o que foi proibido pelo Ministério Público  quando este acordou.

O estudo está disponível desde janeiro, já foi notícia em fevereiro, e pode ser visto neste link

RATAZANAS COLAPSARAM CARVALHO

Lembram-se daqueles polícias sul-americanos que confrontados com o desaparecimento de meia tonelada de marijuana apreendida, disseram que a droga tinha sido comida por ratos. O Ginja, na conclusão "cc" sugere que "ratazanas enormes" , que ele diz serem comuns no Monte, terão contribuído para a queda do Carvalho!

Este perito, perfeitamente desconhecido, que desde Agosto até anteontem era conhecido como o arboricultor contratado pela Câmara para dizer coisas divertidas como as acima descritas,  foi este sábado apresentado como "Perito Nacional " sem qualquer referência no texto ao facto deste ser o técnico contratado pela Câmara para fazer a sua defesa.

6 comentários:

Anónimo disse...

Parem de fazer piadolas e brincar com coisas sérias!! Se não sabem quem são os peritos contratados pela CMF (o que só revela uma profunda ignorância), então guardem a vossa ignorância para vocês, parem de fazer figuras ridículas, e deixem os tribunais fazerem o seu trabalho. Já só falta virem dizer que o Rocha da Silva - o homem que avalia o estado das árvores pelo som de pancadas com martelo no tronco!!!???, porque ainda não descobriu os registógrafos - é o pináculo da sabedoria em matéria de floresta urbana.

Anónimo disse...

Muito certo anónimo das 19:06.

Anónimo disse...

Por mais sério que seja o técnico, a sua independência está ferida de morte por ter sido contratado por quem faz de tudo para fugir às responsabilidades

Anónimo disse...

E como o Jardim, Cafofo não foi à assembleia se explicar me frente ao eleitos pelo povo a queda da árvore e como o Jardim, ainda meteu um processo, que perdeu, contra o deputado Canha.

Anónimo disse...

Os Sousas já andam no Monte, eles não andavam no mar e nos ferrys?

Anónimo disse...

Miguel Silva lava mais branco!