segunda-feira, 26 de junho de 2017



 As «magias» da Dívida da CMF 
– Mago Cafôfo e seu assistente Gouveia
  

José Prada


Segundo dados do Relatório de Contas da CMF de 2013, aprovado pela actual vereação, portanto, com a chancela, em primeiro lugar, de Cafôfo, mas ainda relativas ao último exercício de vereação do PSD, a dívida da CMF em 2013 era de 94,6 milhões de euros, conforme se pode constatar, hoje ainda, no site da CMF em http://www.cm-funchal.pt/index.php?option=com_jdownloads&Itemid=246&view=finish&cid=2584&catid=289

No mesmo site da CMF, a 02/05/2014, então verdinho no cargo e logo ainda ingénuo a proclamar verdades, quando foram aprovadas as contas do ano de 2013 pela Assembleia Municipal, Presidente Cafôfo confirmou tal valor, assumindo que “herdou uma dívida de 94 milhões de euros”.


Sensivelmente três anos depois, no DN de 29/03/2017 (para quem ainda anda distraído, ano de eleições) já mais «maduro», Presidente Cafôfo “recordou os 105 milhões de dívida deixados pelo executivo de Albuquerque”.

Três dias depois, num artigo de opinião no mesmo DN, claro, por mera coincidência, o vereador com o pelouro das finanças, Vereador Miguel Gouveia, tão jovem no cargo mas já nada tendo de virgem, sentenciava, do alto da sua autoridade: “Os antigos governantes catapultaram a dívida municipal para um valor superior a 110 milhões de euros".

Podíamos até ter compreendido que se esquecessem de mencionar que, em 2013, a dívida líquida era de 53 milhões de euros, conforme se prova no mesmo documento, pois a CMF tinha a receber 41 milhões de euros de diversos devedores.

Não lhes era suficiente. A tentação em período eleitoral é enorme …

Estes magos das finanças, com alguma descoordenação entre o mágico e o assistente, fizeram, de forma misteriosa, em 3 anos, a dívida crescer 16 milhões de euros! Coisa pouca …

Parece-nos evidente que Cafôfo e Miguel Gouveia não são muito bons a memorizar valores.

Não sabíamos ainda (até à publicação recente das contas de 2016 da CMF no seu site  http://www.cm-funchal.pt/index.php?option=com_jdownloads&Itemid=246&view=finish&cid=3811&catid=393) é que, também, não são de boas contas, quando se referem à dimensão da redução da dívida.


Podíamos até aceitar que escamoteassem que o Funchal teve, à semelhança da generalidade dos municípios durante o período da Troika e com planos de ajustamento financeiro, condições únicas para baixar o endividamento, nomeadamente, através da subida da arrecadação de receita de impostos municipais (IMT, IMI, imposto de circulação e derrama municipal), que não é mais que dinheiro que sai do bolso dos funchalenses e entra nos cofres da autarquia.

Nos três (2011, 2012 e 2013) últimos anos vereação do PSD, cobrou-se 70,4 milhões de euros (26,3 + 21,4 + 22,7) de impostos. Nos três primeiros anos (2014, 2015 e 2016) da actual vereação cafofiana, cobrou-se quase mais 10 milhões de euros (80,1 milhões de euros = 25,3 + 27,6 + 27,2 ).

Ainda tem a distinta lata de se vangloriar perante os funchalenses que baixou o IMI!

Podíamos, com alguma caridade cristã, perdoar o esquecimento de referirem que nos 3 primeiros anos (2014, 2015 e 2016) da actual vereação do Presidente Cafôfo, os investimentos foram somente de 7,7, 6,1 e 5,5 milhões de euros = 19,3 milhões de euros. Por contrapartida, em 2011, 2012 e 2013, os investimentos foram de 16,3, 17,7 e 22,4 milhões de euros = 56,4 milhões de euros. Ou seja, em 3 anos, reduziram os investimentos em mais de 37 milh
Portanto, para não ir mais longe, segundo os dados que constam das contas publicadas no site da CMF assinadas pelo actual Presidente Cafôfo (não fui eu que os inventei!), só de aumento de impostos diretos e redução de investimento, em 3 anos, a CMF teve nos seus cofres mais 47 milhões de euros.

Mas, lá está, tiveram mais olhos que barriga.

No panfleto da recandidatura de Cafôfo, enviado em finais de Abril para as nossas casas, diz o seguinte: “Em 40 meses de mandato, reduzimos 45 milhões de euros de dívida herdada”.

Ou seja, sendo a dívida em 2013 de 95 milhões de euros, significaria que tê-la-iam reduzido, julgava eu então, para 50 milhões de euros.

Mais, a 4 de Maio deste ano, Cafôfo, num artigo de opinião no DN, escreveu: “Reduzimos a dívida em quase metade”. Portanto, teriam reduzido, queria então eu acreditar, a dívida para um valor aproximado dos 47,5 milhões de euros (95/2).

Qual o meu espanto quando verifiquei no site da CMF, nas contas de 2016 acabadas de ser tornadas públicas, que a dívida da CMF em 2016 afinal ainda é de 62,5 milhões de euros!

Portanto, bem longe da apregoada redução para “quase metade” da dívida. O dobro de 62,5 milhões é 125 milhões, muito longe até dos inventados 110 milhões por Cafôfo ou dos 115 milhões por Gouveia, quanto mais dos reais 94,6 milhões de euros.

E bem distante, de igual modo, da “cantada” redução de 45 milhões de euros (foram apenas 32,1 milhões de euros = 94,6 - 62,5)!

Apetece ainda perguntar, que fizeram aos remanescentes 15 milhões de euros (47,5 – 32,1)? Pois aumentaram impostos e reduziram investimentos no total de 47,5 milhões de euros, conforme vimos.

Não teria sido mais acertado e mais verdadeiro ter escrito no panfleto que a dívida tinha sido reduzida em 32 milhões de euros. Porquê acrescentar mais 15 milhões?

Mas, se já tinham, por artes mágicas, adicionado em 3 anos os tais 16 milhões à dívida, ora acrescer mais 15 milhões à redução da dívida, é um «truque» só ao alcance de Cafôfo e seus assistentes.

Que “Confiança” podemos ter em alguém que usa e abusa de «malabarismos» com números para efeitos meramente eleitoralistas?

Se fazem isto com as contas ...

89 comentários:

Anónimo disse...

Hoje sim, Cardoso Jardim volta ao amigo Sem Malícia. Vergalhada no dito que é para aprender.
O Renovadinhos aquece com a temperatura, e nos renovadinhos é que tem graça.

Anónimo disse...

Já tinha saudades do Prada. Dá-lhe forte outra vez.
Continua a destapar a careca ao careca, que todos agradecemos

Anónimo disse...

Cafofo é mentiroso compulsivo.
Será que ainda alguém tem dúvidas?

Anónimo disse...

O Chiquinho - Cafofo já está à volta com as contas da Camara, a introduzir números nos excel, a vociferar para os contabilistas...
Vais levar o dia todo.
Não vai ser fácil desmontar a clareza deste números

Anónimo disse...

O Prada não sabes onde andam esses 18 milhões?
Parte deles para pagar ao Diário de Notícias para a propaganda do Cafofo, para transformar mentiras em verdades, falta de investimento em obra feita, imobilismo e ineficiência em inovação, etc.

Anónimo disse...

Se fazem isto com números....

Anónimo disse...

Os 15 milhões param em propaganda para enganar os funchalenses.

Anónimo disse...

Isto é a "arte de multiplicar" o que não existe e reduzir o que NÃO fizeram! Na parte dos investimentos, não podemos esquecer no investimento que foi realizado nos produtos madeirenses, da zona do Seixal, naquele espumante que daqui a uns anos irá ser comercializado na região, continente e talvez internacionalmente.... lol

Anónimo disse...

A troika Cafofo/Iglésias/Gouveia em 3 anos já têm em doses elevadas os piores vícios dos políticos dinossauros.
Mentem descaradamente com todos os dentes.
Nada fazem.
Propagandeiam em orgãos de comunicação por conta (com dinheiro do povo funcalanese), obras que não existem, balcões que não funcionam, contas mal feitas e muito muito mais.
Volta AJJ. Volta Jornal da Madeira. Estão perdoados.


Anónimo disse...

Então Daniel e Zé Chico, já está a ser preparado o comentário de reacção a este artigo do Prada ?

Anónimo disse...

Prada, não é preciso gastar tanto latim.
Cafofo é mentiroso. E ponto final

Anónimo disse...

Artistas Cafofo, Iglésias e Gouveia.
Que tal recrutarem-nos para o Funchal Jazs ou para o NOS Summer Opening?
A CMF sempre poupava uns trocas. E para quê? Para pagar ao DN para mais campanha

Anónimo disse...

Derrota a incompetência, derrota o careca

Anónimo disse...

Para além de termos um Governo Regional que mente aos madeirenses também temos uma Câmara que também mente descaradamente aos funchalenses.

O Governo Regional não cumpriu nenhuma das suas promessas que fez aos madeirenses. Se o Governo dá dinheiro ao DN como é que as noticias que chegam aos cidadãos podem ser verdadeiras? São noticias mancas, atrofiadas, opacas. Colocou em risco a segurança da população madeirense pois descurou a prevenção contra os incêndios. E enquanto víamos a tragédia do Funchal a arder, o ano passado, o Presidente do Governo dizia que estava tudo controlado. Antes do incêndio, em vez de apostar na limpeza das florestas dava 300 mil euros ao rali e milhões ao futebol. Os madeirenses não precisam do rali para nada e o futebol os clubes que sobrevivam com as suas próprias receitas. Depois há também a regata dos barcos voadores que não serve para nada. Etc, etc, etc.

A Câmara está rica à custa do IMI mas não faz nada de jeito pela cidade, não investe, não sabe investir naquilo que é preciso. Em vez disso estoura milhões em festinhas e festivais para embalar o povinho ignorante. Também descura a prevenção dos incêndios. Antes da tragédia do incêndio do Funchal o Cafofo também andava demasiado distraído a trazer cantores, a apoiar com milhares de euros festas e festivais, queria transformar a cidade na capital da cultura pimba. Descurou também a segurança das pessoas que devia ser o mais importante e teve grandes responsabilidades no incêndio. E pelo que se sabe também dá muita nota ao DN para que as noticias sobre a Camara sejam favoráveis. E com tanta borrada ainda tem a lata de vir a terreiro dizer que reduziu a divida.

Esta turma de mentirosos tem que ser desmascarada. Infelizmente não podemos contar com a comunicação social. Os madeirenses já não confiam no DN. O DN nunca devia aceitar o dinheiro que aceita, assim não existe o rigor da verdade, até a opinião dos leitores foi abafada depois de algumas criticas aos comentários anónimos por parte do Albuquerque. A RTP Madeira não serve para nada pois também não contribui para desmascarar as mentiras e os esquemas que se fazem na Madeira. Basta ver que não há um único programa da RTP Madeira de jornalismo de investigação sobre assuntos polémicos. Assim fica complicado esta terra ir para a frente. Parece que está tudo dominado, minado.

Anónimo disse...

Aqueles que levaram a Madeira à falência e a maioria das Câmaras Municipais chegam agora cheios de si falar sobre a gestão dos que tiraram a CMF da falência financeira. O Prada que causionou na Assembleia a fraude das contas publicas da Madeira durante anos vem agora pregar moral. Tenha vergonha!

Anónimo disse...

O Renovadinhos o que quer?
Que o atual governo não acabe as obras faraónicas que ele iniciou?
Se não acabasse era INCOMPETENTE. Se acaba, rouba a paternidade. Mas aquilo é Seu? ou do povo?
Frustrado e doentio, é um autêntico quebra Costas.

Anónimo disse...

15 milhões de buraco na Camara? 15 milhões onde a bota não bate com a perdigota? Não anda por aí o Juiz Carlos Alexandre?

Anónimo disse...

O sr Prada não fala sobre a entrega do CINM ao Pestana, do ARMAS, do cheque Cirurgia, das listas de espera para cirurgias etc. Diga qualquer coisa sobre estas questões ou agora é especialista em finanças publicas? Quando ocultou a divida da Madeira, não era especialista em finanças públicas?

Anónimo disse...

Bravo Sr Prada
No Parlamento pouco levanta a voz.
Mas aqui sempre escreve umas verdades.
Será que está na lista da Rubina?
E porque não escreve isto num dos jornais do Funchal?
Eles não deixam?
Aqui a Fénix é uma porta para o Mundo...
Sr Calisto formava uma redação com oito jornalistas numa edição em Papel e recebia para as despesas 300 mil do Governo como os outros. Que tal?

Anónimo disse...

Era bom que alguém me explicasse o motivo de Miguel Sousa no programa televisivo ter dito abertamente e sem papas nas língua o seguinte:
" O Armas não vem porque este governo não quer" deu vários exemplos de ferrys em Canárias e Marrocos.disse inclusivamente que nem era preciso apoio de união europeia ou até mesmo mês república. mais de uma vez voltou a repetir " o Armas não vem porque este governo não quer". Disse que tinha tido reunião em Canárias e que até hoje ninguém deste governo quis saber a fórmula do sucesso.voltou a repetir " o Armas não vem porque este governo não quer".
Se não conhecesse Miguel Sousa teria ficado com a ideia que era de outro partido que não o PSD.
Como todos o conhecemos está mais que explicado quem pagou as internas a Albuquerque,quem pagou as regionais e quem vai pagar as autárquicas.
Mais,o homem tem esta gente presa pelos "tomates",diz o que quer,faz o quer,gere o quer, adquire o que quer,mete quem quer neste governo e prova disso está lá a família Prada e Carvalho a mando de outro administrador Prada do grupo Sousa/Pestana.
Isto o sr Prada não vem dizer.nao vem aqui com artigos a comprovar como são entregues empreendimentos ao Sr Sousa/Pestana para o irmão gerir.é dado de mão beijada sem concursos sem nada.nao vem,nem pode porque não existem documentos.
Este se Prada é mais um agarrado ao tacho de deputado e advogado no privado.
Só nesta terra o vice presidente da assembleia vai a um programa de televisão e diz
"O Armas não vem porque o governo do qual eu faço parte não quer"
Não se trata de ter tomates trata-se de ter os bois amarrados pelos cornos.

Anónimo disse...

Muitos mágicos e pouca magia!!!!!

Anónimo disse...

Antes pagávamos apenas o JN agora pagamos a joint venture DN/JM. O AJJ é que tinha razão

Anónimo disse...

Os meus pais sempre me ensinaram que os batoteiros e trafulhas são sempre a mesma coisa. Não têm emenda! Seguindo o provérbio popular: "Quem faz um cesto, faz um cento"! Mais palavras para quê?

Anónimo disse...

ó Prada não sabes que o Cafofo é professor de história?
Não tem obrigação de saber matemática de 4ª classe.

Anónimo disse...

Acredito que o Diário de Notícias e os seus matemáticos avençados consigam defender Cafofo provando por a + b que:
Metade de 95 são 62; ou que
95 menos 45 também dá 62.
Estamos à espera,

Anónimo disse...

Infelizmente a Rubina e o Miguel não metem pessoas na lista que no futuro os possam passar por cima , porque para eles o importante não é a competência ms sim o umbigo deles ...

Anónimo disse...

Diga então um concurso público entregue ao Grupo Pestana que tenha havido outro pretendente melhor ? Diga lá então !! É fácil mandar para o ar mentiras.

Já fazia AJJ, nos concursos temos sempre de escolher a melhor proposta madeirense (que até neste caso o Grupo Pestana consegue fazer melhor propostas que muitos grupos internacionais) ....

Anónimo disse...

Hahahahha mt bem

Anónimo disse...

Tiro o chapéu a esta análise.
Continue a escrever estes artigos.
Os Funchalenses agradecem.

Anónimo disse...

Já tínhamos saudades disto Prada! Continua assim!
Sempre a dizer as verdades ao careca ! Tenho muita pena que tenham posto o gordo do hospital candidato à assembleia da câmara em vez de ti , salta fora que não te dão valor !
Fora Cafofo ! Trabalho Zero!

Anónimo disse...

Prada aonde andavas quando o teu partido cavou o buraco de bilioes?? Estes nao sao melhores mas tu nao tens o direito de falar.

Anónimo disse...

Onde anda o Zé Chico para defender o aldrabao careca do cafofo ? Deve ter sido despedido por não conseguir esconder isto ...

Anónimo disse...

Senhor das 11.39.
O Miguel de Sousa é de longe o mais preparado para governar.
Quanto ao facto deste governo não querer o ferry já (vai ser castigado já nestas eleições), pergunte ao Rui Gonçalves o secretário que apenas quer pagar dívida e não deixa desenvolver a Madeira.
Como já disseram políticos Experientes, a Dívida é para ir pagando devagarinho e negociando juros...
A propósito de juros, a Madeira paga 4% de juros e Portugal tem ido ao mercado a 2,..
Portugal ganha dinheiro com a Madeira e ninguém diz nada.
Passos Coelho foi o Carrasco e Costa enterra...
Políticos precisam-se...

Anónimo disse...

Caro Calisto , depois de ler o artigo de José Prada bem como o constante dos links que anexou , li o Jornal da Madeira de hoje e fiquei estupefacto , as conclusões são opostas , mas como é também claro o JM faz a noticia sem disponibilizar indicação onde possamos confirmar os fundamentos da noticia.
Tudo isto para referir que na minha opinião o JM na altura de AJJ era tudo menos um órgão de comunicação isento e que após ser vendido continua um nojo.

Anónimo disse...

Então diga se havia mais algum em boas condições para se entregar o nosso melhor negócio ??? Não , o único que nos deu garantias foi o grupo pestan , tenha vergonha e deixe de dizer mal do pq sim

Anónimo disse...

Precisamos de um Miguel de Sousa no governo mas não pode ser o próprio pq este tem agenda própria e seria um grande perigo ...

Anónimo disse...

Muito bem Dr!

Continue a dizer a verdade que os Funchalenses e madeirenses agradecem! Força na luta que estamos aqui para apoia-lo se quiser mandar para o lixo o gajo do arco de São Jorge ....

Anónimo disse...

Aproveitem a vossa matemática e apliquem às contas da Câmara Municipal de Machico. Parece que temos magos por estes lados também!!...
É só reduções de dívidas!!
Como? ... tá difícil de compreender por estes lados..
Matemática de antigos vigários??

Anónimo disse...

Este Cafofo anda a ganhar o cognome do mentiroso, hoje no DN foi o Gil Canha a desmascarar o escândalo do Mercado, e agora o Prada a denunciar a maquilhagem das contas municipais. Um fiasco este Cafofo e companhia...

Anónimo disse...

Muito bem dito !
O que é preciso mais para as pessoas abrirem os olhos e perceberem quem é realmente Pauli Cafofo ?

Continua Prada, quero ver te tirar o lugar pianista lá da quinta Vigia!!

Anónimo disse...

Quero é saber das contas deste ano de 2017, que só serão reveladas depois da eleições, em 2018! Pois da forma como Cafofo anda a esbanjar e a prometer tudo e mais alguma coisa, vai haver uma surpresa (muito desagradável) nas contas do município!

amsf disse...

Este exercício de retórica faz-me lembrar aqueles que constroem gráficos em que associam períodos de mandatos a determinados números das contas públicas, sejam eles endividamento, investimento público, cobrança de impostos, etc. Claro que funciona pois a maior parte das pessoas imagina que a governação tem reflexo imediato nas contas públicas; não imaginam que uns podem fazer as obras e outros as pagarem, uns decidirem o aumento dos impostos e outros terem que os cobrar, uns concederem facilidades e outros terem que assumir as consequências dessas irresponsabilidades, uns contraírem empréstimos que só são efectivamente concedidos à medida que são apresentadas as facturas, uns inaugurarem e outros pagarem, uns pagarem a pronto dívida comercial à custa de dívida bancária, etc, etc.
Quando é que o sr. deputado faz um exercício retórico, naturalmente mais benevolente, em relação às contas do Governo Regional uma vez que é deputado da Assembleia Regional?!

Anónimo disse...

Cafofo, de cognome, o Mentiroso, que também usa por aqui Francisco e Danilo, por onde andas?
Está difícil de negar estes números?
A memória já está a fumegar?
A calculadora pifou?
O excel teve um bug?
Cumprimentos democratas

Anónimo disse...

Anda aqui muita gente a falar do Jornal da Madeira. Agora que foi vendido ninguém duvida que está ao serviço da Camara do Funchal. Não se esqueçam que é o jornal do Avelino que tem uma grande dívida para com o Cafofo, que lhe renovou a autorização para construir o aborto do Savoy. Além disso com Agostinho e Miguel Silva, só pode estar a mando do Espanhol.

Anónimo disse...

AMSF, meu caro, você é que elucubrou fastidiosamente, numa retórica em defesa de Cafofo, que é de bradar aos céus.
O que o Prada criticou foram as mentiras sucessivas de Cafofo (e vereador Gouveia) a propósito do valor da dívida de 2013 e as também as já repetitivas mais recentes mentiras a propósito da redução da dívida de 2013 para 2016.
Essas são as mensagens principais do artigo.
E a meu ver, que não sou muito de contas, parece-me que as criticas estão bem fundamentadas.
De passagem ele escreve que Cafofo poderia ter referido que reduziu a dívida por isto ou por aquilo, pelo aumento de impostos ou pela diminuição de investimento, mas aí, já seria pedir de mais a Cafofo e quejandos.
A não ser que fosse dotado de um retórica fluente e imaginativa como a sua.

Anónimo disse...

Pena já ter feito o exame de matemática de acesso ao ensino superior.
Tinha tido umas explicações com o Sr. Presidente e o Sr. Vereador da Câmara Municipal do Funchal e tirava um 21!

Anónimo disse...

My God, Cafofo, what a liar!
How can we trust you?

Anónimo disse...

Ó Zé Chico e Daniel Tonto Bajulador, ainda não houve tempo para um comentário ?
É difícil responder à verdade, não é ?

Anónimo disse...

Se estavam à espera do JM para fazer "compensação" em relação ao DN, estão enganados.
Vais estar sempre ao lado de Cafofo, pelo menos até às autárquicas. Estejam atentos.
Hoje já se viu.
Quem manda no JM?
Quem prorrogou a licença do Savoy? Quem vai permitir o aumento da volumetria do Savoy? Quem vai autorizar a construção de apartamentos em cima da zona nobre do Lazareto?
De quem são estes empreendimentos?
Dizem-me que são de quem diz para quem quer ouvir que o "Cafofo é um segundo Alberto João Jardim". Ingrato? Mais palavras para quê?

Anónimo disse...

Cafofo, devias voltar à escola do Campanário.
Não para dares aulas de História.
Mas para receberes aulas de Matemática.

Anónimo disse...

Bom trabalho, Dr Prada!
Fazem falta Homens como o senhor nos destinos da nossa linda terra!
O povo está consigo para tudo Dr!

Anónimo disse...

Não foi este grande Economista e Contabilista que foi comido pelo Banif?

Anónimo disse...

E porque que o DN e JM não dizem nada sobre isto? Se fosse o PSD queria ver onde já andava este artigo e estes factos ...
Pouca vergonha , muito bem dito companheiro Prada!

Anónimo disse...

Isto é um autentico REGABOFE e JOGO SUJO...
Os primeiros comentários todos seguidos desde as 08,55 até as 10,30h poderiam ser emitidos num único, NÃO ERA NECESSÁRIO EMIIR 13 (TREZE),
isto realmente vem comprovar que a Candidata Rubina tem Funcionários Públicos que na hora de expediente com o MEU/TEU/NOSSO dinheiro dos impostos é para estas coisas, entre os quais está um tal funcionário B CAMACHO!!!
cANDIDATA SEM ESTOFO PARA O CARGO DE PRESIDENTE DA CAMARA.
Este exercito de Salteadores joga com outras armas que os outros candidatos não teem, mas mesmo assim vão levar chuto e em Outubro vão andar para a Ciclovia dela e ser colocada num Museu que são as prioridades que os Funchalenses teem segundo a sua cabeça, isto é obra!!

Anónimo disse...

Lições senhor prada? Por favor.Dezenas, centenas, milhões foram as dívidas feitas e deixadas pelo governo e pelas câmaras da Madeira.Herança desgraçada em 2013 e antes, quando as troikas bateram à porta dos madeirenses. Quase 100 milhões, ou um pouco mais, a dívida deixada na Câmara do Funchal, mais coisa menos coisa,o que importa? O que interessa foi que pagaram muito dívida. O povo gosta de quem paga dívidas e vive com o que tem.
É um tiro no pé, ir por esses caminhos de apontar aos outros, sem olhar para os do seu partido. Quem tem telhados de vidro não atira pedras.

Anónimo disse...

Dr Prada vamos a contas? Em 3 anos seu governo reduziu a divida em quanto? Andam por ai em campanhas prometendo mundos e fundos sem guito e depois já sabe #zero do que foi prometido. Parece me que as prioridades actuais do seu desgoverno é BETÃO outra vez e o POVO ? Para mim isso é mais preocupante visto que as COMISSÕES são mais OCULTAS

Anónimo disse...

Noticia de última hora, Miguel Gouveia vai para o Eurogrupo para Ministro das Finanças, considerado, a nível europeu o Ronaldo do Ecofin!!! Leva como assessor o Cafofo e o iglesias,
Depois de tanto martelar contas a Europa precisa urgentemente de alguém assim.

Anónimo disse...

Este José Prada esqueceu-se ou então será na nova crónica de amanha.
Convidar os Madeirenses especialmente os Funchalenses a se deslocarem no fim de semana a Marginal, (aquela Praça que eles agora fazem constantemente festas e festinhas e que antigamente bradavam aos Ceus da sua construção) e trazerem consigo Sacos e Baldes afim de recolherem dinheiro que vai andar a esvoaçar.
Vão ser espatifados quase Meio Milhão que juntando ao do ano anterior perfaz UM MILHÃO nos Barquinhos Voadores para satisfazer o Ego do Mano Velho do secretário do Turismo.
São dinheiro dos nossos impostos que irão para aquela Cagada quando há muita coisa para fazer na Madeira e no Funchal.
É dinheiro deitado ao vento...
Deve trazer uma grande contrapartida de turistas, não???
Os corredores aéreos já devem estar reservados para tantos aviões que virão por causa deste Grande Acontecimento.
E ninguém vai preso! Deveriam os Politicos responderem CIVILMENTE pelos atos que praticam.

José Francisco disse...

A Câmara Municipal do Funchal encerrou as contas do ano de 2016 com 6,2M€ positivos e um passivo na ordem de 185,9M€. Estes são os números oficiais e qualquer um terá a honestidade de os considerar como muito bons.

Podemos até discutir como se chegou cá. É uma discussão pertinente. Mas, como podemos ver, o Sr. Prada (PSD-M) está pouco interessado em discutir o quer que seja. Coloca a meio de uma opiniões sobre veracidade de informações prestada pelo Presidente da Câmara Municipal do Funchal, aumento de impostos que foram aprovados pelo Governo da República. Pega nesse facto e extrapola, criando a ideia errada que a Presidência que gere a Câmara Municipal do Funchal aumenta deliberadamente impostos, gerando mais receita.

Num próximo texto opinativo do Sr. Prada, espero que venha elucidar-nos que impostos directos e indirectos é que a Presidência de Paulo Cafôfo aumentou ou criou. Isto em relação aos munícipes. Sabemos que a taxa da derrama aumentou, taxa que é paga pelas empresas. Um suposto aumento das tarifas da água, que já sei que pegará nisso, faça o obséquio de explicar a razão desse suposto aumento, só para que seja levado um bocado mais a sério.

Três anos a poupar, a pagar facturas, a colocar as contas na ordem. Um ano a investir a sério, fruto dessa disciplina financeira, de modo a que tudo que fazem seja equilibrado, sensato e sem andar a criar défices exagerados. Isto é ter consciência política. As promessas estão a ser cumpridas e o final do mandato está a chegar, caberá a cada um analisar, ponderar e decidir por si próprio. Estas tentativas de desvirtuar a informação, colocando-a no sentido favorável do PSD-M, são um sinal forte e preciso que o PSD-M está a ver o caminho a fugir-lhe.

O Sr. Prada e a sua narrativa, é e faz parte da cartilha (muito em voga) que o PSD-M colocou em prática. Andam todos os PSD's a escrever, a debitar, a opinar, todo o mesmo conteúdo. É o eco político que se tornou o PSD Madeira, um partido sem consciência política, sem capacidade crítica, é o partido dos YES MAN.

Quem na esparrela quem anda distraído. Como sempre escrevi por aqui, é tão fácil criticar a Presidência de Paulo Cafôfo que fico assustado perante a incapacidade do PSD-M o fazer. Até o PCP é mais incisivo e assertivo. O PCP.

Anónimo disse...

Só um ignorante como o senhor , é que vem para aqui com o maior escândalo de corrupção que foi o BANIF e a sua venda ao Totta do Vítor Caladinho...

Anónimo disse...

José Chico Cafofo, bom dia,
Tenta prolixa prosápia que são uma mão cheia de nada!
Demorou um dia a arrazoar uma justificação e não encontrou uma?
Estava a espera que fosse às melhores universidades do mundo de matemática (claro que também poderia recorrer às artes circenses, na secção de magia) para conseguir provar que metade de 95 são 65 ou que 95 menos 45 como computou Cafofo.
Nada disso fez, não defendeu devidamente Cafofo que assim continua, sempre, Mentiroso!
Cumprimentos

Anónimo disse...

Já temia pela sua saúde, J Francisco. Ainda bem que deu esta prova de vida. Mas, desculpe-me a frontalidade, deverá tratar-se, pois não me parece bom da cabeça.
Onde está a sua usual retórica em acérrima defesa de Cafofo? Cafofo não vai gostar pois desta vez enterrou-o. Vai perder o tacho. Não gosta de ser lambe botas?

Fiquei deveras decepcionado. além das sucessivas mentiras de Cafofo que não nega: note-se que não há uma referência ao valor da dívida, ao valor da sua redução (à tal metade ao aos 45 milhões de redução), nem uma linha gasta para criticar o Prada por escrever que a Câmara de Cafofo cobrou mais 10 milhões de euros de impostos e investiu menos 38 milhões de euros que a Câmara de Albuquerque.

Não lhe auguro nada de bom.




Anónimo disse...

A Camara do Funchal no final de 2017 apresentará a maior divida de todos os tempos , para mais divida contraída para verbas não empregues , os tais 10 milhões que foram á dois anos atras pedidos á banca e que ainda não foram utilizados .

Anónimo disse...

Exmo. Senhor Luís Calisto,
Gestor do Blogue "Fenix do Atlântico"

Tomo a liberdade de me dirigir a V. Exa para, pela presente, de forma conclusiva, terminar com as confusões entre a a pessoa do Senhor José Francisco e eu. Garanto-vos que não somos a mesma pessoa e a prova disso é o inenarrável texto que o Senhor José Francisco escreveu onde, permita-me a expressão, "mete os pés pelas mãos," até parece que concorda com o Dr. José Prada.
Deste modo:
- Eu disse e escrevi e volto a dizer e a escrever que ao contrário do que está nos documentos oficiais da CMF, a dívida da CMF em 2013 era de 110 milhões de € e não de 96 milhões de €. Lamento, não consigo chegar aos 115 milhões de € apontados pelo Exmo. Senhor Vereador, Eng. Miguel Gouveia, mas estou a trabalhar para isso.
- Eu disse, escrevi e volto a dizer e a escrever que a dívida entre 2013 e 2016 reduziu para metade, ou seja, de 95 milhões para 63 milhões. Alguém duvida que metade de 96 é 63?
- Eu disse e escrevi e volto a dizer e a escrever que a dívida reduziu 45 milhões entre 2013 e 2016. Alguém duvida que deduIndo 45 a 96 perfaz 63?
Sou coerente, mantenho o que disse e escrevi.
Era difícil ao Sr. José Francisco corroborar o que qu disse, defender-me tenazmente como tantas vezes o fez ao ponto de até insinuarem que ele era eu ou que eu era ele?
Mas, decididamente o Sr. Jose Francisco perdeu as suas melhores qualidades e por esta via expedita dispenso-o de todo o serviço.
Lamento, Exmo. Senhor Luís Calisto, mas nos próximos tempos o seu blogue deixará se ser animado pelo Sr. José Francisco. Se ele for ao mesmo debitar sapiência, estará por sua conta e risco, jamais me representará e muito menos será eu.
Agradeço a sua atenção e apresento os meus melhores cumprimentos.
PC

Anónimo disse...

José Xico,
Nem um número para contrariar o Prada? Dia inteiro para procurá-los e não encontrou?
É uma clara assunção que o que o Prada disse é verdade e que o Cafofo mentiu várias vezes.
Até a próxima, Prada.

Anónimo disse...

Zé Chico, felizmente você apareceu. Mas, fala, fala e não diz nada.
Não há números a contrariar o que diz o Prada.
Sinceramente, esperava mais do camarada Zé Chico. Se fosse o Daniel Tonto Bajulador, eu entendia. Mas vindo do Zé Chico, aguardava uma coisa mais elaborada.

Anónimo disse...

Tanta coisa , tanto malabarismo , diga me lá : É MENTIRA OU NÃO o que é dito pelo Dr Prada? Não é, tem algo realmente a dizer sobre esta pouca vergonh ?

Anónimo disse...

😂😂😂👌🏼

Anónimo disse...

Esta guerra entre o srº Prada e o srº cafôfo faz-me lembrar a história do rôto a falar do esfarrapado! O primeiro por pertencer ao partido que desgraçou a mamadeira, e escondeu facturas e contas que não iremos conseguir pagar nem daqui a 100 anos! o segundo que rebentou com a luta de mais de 20 anos da oposição, e que devido à crise na CMF em 2014 fez com que Miguel Albuquerque obtivesse a maioria absoluta! O meu voto em outubro e da minha família vai para o dr. Gil Canha que continua a combater a "máfia no bom sentido" seja do PSD ou do PS!

Anónimo disse...

Sigam o dinheiro! Sigam o dinheiro... até o Diário de Noticias, o Inglês cá tem mamado o seu, e caladinho!

Anónimo disse...

Acho muito bem que as mentiras que são feitas pelos políticos sejam denunciadas.
Mas o problema do Prada é que ele não demonstra esse empenho todo para denunciar as mentiras do Governo Regional aos madeirenses. E não têm sido poucas. Isso coloca o Prada ao mesmo nível do Cafofo e do Albuquerque, ao nível dos políticos medíocres, que são económicos com a verdade, que lesam constantemente os superiores interesses do povo madeirense.

Anónimo disse...

Senhor José Francisco, ora que foi corrido pelo Cafôfo e como escreveu às 23.03 "Como sempre escrevi por aqui, é tão fácil criticar a Presidência de Paulo Cafôfo ...", vá lá, abra o livro e desembuche.
Deve ter muito para contar...
Estamos todos ansiosos pelos seus escritos.
Se o Fenix não for suficiente para o seu ego, pode ir pedir ao DN para publicá-los. Para dizer mal do Cafofo, vão dar-lhe logo a primeira página. ah! ah! ah!

Anónimo disse...

Francisquinho, deixe-se de tretas e chachadas.
Isto é preto ou branco, não é cinzento.
Seja claro e directo.
Das duas uma, ou o Prada mente ou o Cafofo mente.
Prove que:
- algum dos números que o Prada refere não é verdadeiro;
- alguma das afirmações e dos escritos que o Prada diz que o Cafofo fez não são verdadeiros.
Caso não prove que o Prada mente, então mais uma vez ficaremos todos a saber quem é o Mentiroso.


Anónimo disse...


Conclusão. Na politica não vale tudo

E assim se vê como um trabalho meritório de redução da dívida (claro, teve ajudas da Troika e do PAEL, que aumentou impostos, obrigou a menos investimento, etc) cai que nem um baralho de cartas, ninguém o valoriza, em virtude de políticos e gente fraca e mal formada que, em vésperas de eleições, para manter deseperadamente o tacho, mentem descaradamente aos sues concidadãos aumentando, sem pudor, falsamente, o valor da redução da dívida, como se tal lhes desse mais votos. Vai ter efeito contrário, aposto. Por estas contas falseadas, mas sobretudo, pelo mau exemplo. Que vão pensar os funchalenses? Se estas criaturas que estão na câmara, a quem estamos entregues, são capazes disto pela mera cobiça de um par de votos, que farão...?

HRomeu Pinto disse...

Boa tarde a todos!

Nota prévia: escrita que não respeita o acordo ortográfico.

Antes de mais, tenho de dar os parabéns a todos nós por termos a coragem de eleger um Sr. Deputado deste calibre que se dá ao trabalho de analisar as contas de uma Câmara quando foi eleito para resolver problemas de envergadura e calibre distintos.
Poder-se-á dizer que praticou um acto de cidadania, está certo... Nesse caso e tendo em conta o manifesto, tem demasiado tempo livre ou não acha que a Região do ponto de vista macro-político não tem assimetrias que necessitem uma intervenção mais afincada da sua parte ou dos seus pares. Só pode!
Quero, portanto afirmar que o primeiro parágrafo é para ser lido com imensa ironia.

Agora muito a sério, há uma coisa que não me sai da moleirinha... Foi este senhor analista financeiro o arauto da desgraça que grassa nesta Terreola à beira-mar... Nos tempos de liderança do AJJ tudo fez para que o Presidente deste 'blue establishment' se mantivesse no partido, mas mais grave ainda é tudo o que por detrás existia, entre o Sr. analista o actual Presidente que de certa forma explica aquele desfecho.
Compreendo que haja favores para pagar...
Compreendo que ser deputado com tempo para brincar às guerrinhas políticas seja mais preenchedor...
Compreendo que largar "porrada" no adversário partidário seja tentador...

Mas faça-nos um favor, analise os números da Região...
Analise a intervenção do SEU partido desde que a actual equipa assumiu os destinos desta Terra.
Já agora, a favor da honestidade intelectual procure saber o que acham os madeirenses do que se está a passar nas bandas da Saúde, Economia, Transportes, Educação... Por aí fora... Largue a Câmara porque eu saiba você não está na equipa que vai concorrer.

Já cansa ver pseudo-intelectuais... A malta só quer soluções visíveis!

Anónimo disse...

É verdade. A Rubina faz comichão a muita gente, principalmente aos anarquistas como tu.

Anónimo disse...

Concordo o sr. Dep. Prada deveria trabalhar mais na ALM, anda muito folgado...afinal como dep. Intervem muito pouco, muito calado nos debates, antes de olhar para a autarquia do Funchal, lembre-se o que fez o PSD durante 40 anos na RAM: dividas ocultas, aumento das desigualdades na sociedade, aumento do desemprego, aumento de impostos, hospitais de terceiro mundo, aumento da mortalidade por falta de equipamentos a funcionar, RX, TAC, falta de medicamentos para doenças graves como o cancro, cultura de fachada e show off, escolas degradadas, bairros sociais ao abandono, nem negociar com Lisboa sabem para resolverem a politica de mobilidade, isolando cada vez mais quem queira sair da Madeira, tornaram a ilha num isolamento, num degredo, transformaram e deitaram por terra a esperança dos jovens aqui viverem..,etc; lembram-se do PAEF, foi o Sr e o seu partido que colocaram um garrote financeiro a este pobre e infeliz povo, sabe quantos suicidios existem por ano nesta triste terra, diarianente conhecemos casos de desespero, tenha vergonha na cara, foi eleito para trabalhar no Parlamento e arranjar alternativas para os problemas do povo, TRABALHE, FAÇA ALGO PARA QUEM O ELEGEU!!

Anónimo disse...

Os Cafofianos dão vontade de rir. Entraram no sistema para limpá-lo de vicios e corrupções. Mas fazem pior que os do PPD, e mais grave, dizem se o Governo faz, também a gente na Câmara pode fazer...Onde anda essa Mudança/confiança?!

Anónimo disse...

Pahahahahah volte para o campanário que lá tava melhor . Vamos Prada, vamos PSD!

Anónimo disse...

Anda a chamar mafiosos a tudo e todos, mas quem manda a família toda votar num é o senhor !

Anónimo disse...

Este discurso do comuna regional já mete nojo ...
Senão fosse o PSD a Madeira era ZERO, não era nada ...
Senão fosse os deputados e governos sociais democratas até hoje nós não éramos ninguém , está na altura do povo parar de cuspir no oeste que lhes deu de comer e começar a agradecer pelo que fizerem pela nossa terra.
Obrigado AJJ! Obrigado manel António ! Obrigado Zé Miguel Mendonça ! Obrigado Tranquada Gomes ,José Prada, Miguel de Sousa, Pedro Coelho ! OBRIGADO PSD!!!!

Anónimo disse...

Coitado anda alucinado, custa-lhe ver as verdades, o retrato da Madeira nos dias de hoje foi aquilo que descrevi, infelizmente uma terra sem futuro e perspectiva para os nossos jovens, todos emigram, incluindo os mais velhos. Volto a referir o povo continua infeliz e com muitos problemas financeiros, o porque de tantos suicidios numa terra pequena?? O garrote financeiro tem um grande prolongamento no tempo, muitos e muitos anos para pagamento da divida oculta, pense nisso e nos seus descendentes...um futuro negro e passado para a Madeira....

José Francisco disse...

Tenho que citar-me, algo que parecerá arrogante e displicente, para deixar bem presente a ideia dos números:

"A Câmara Municipal do Funchal encerrou as contas do ano de 2016 com 6,2M€ positivos e um passivo na ordem de 185,9M€. Estes são os números oficiais e qualquer um terá a honestidade de os considerar como muito bons. "

Isto é a realidade. O Sr. Prada vem falar de uma eventual confusão com números. Sabem porque? Porque sabe que estes números são bons e para desfasar, recorre à retórica da confusão dos números, abafando o essencial.

O Sr. Prada andou calado o mandato da Presidência de Paulo Cafôfo praticamente o ano inteiro e eis que agora despertou. A cartilha do PSD-M diz num documento que é para afirmar que deram espaço para a Presidência de Paulo Cafôfo governar em paz. Mas, eis que ao fim de quase quatro anos descobriram que afinal há umas críticas a fazer e que até dá jeito as fazer agora, ano de eleições.

A pergunta fica. Onde andava o Sr. Prada nestes anos que só agora descobriu um eventual engano, público e a prestar declarações, dos números financeiros da Câmara Municipal do Funchal?

Volto ao ponto que iniciei. As contas são boas, equilibradas e houve consciência financeira. Estão no vosso direito de criticar, que deviam ter investido mais, que deviam ter feito mais, tudo bem. É legítimo. Agora, o PSD-M (neste caso o Sr. Prada) vir com críticas sobre o passado, para abafar os resultados de agora, quando andou e andaram calados todo este tempo, tenham lá paciência. Vão enganar outros.

Anónimo disse...

Vamos Prada!! Assim mesmo, sempre a descampar no cafofozinho!
Em 2018 tens de avançar com alguém , precisamos de jovens e não de sessentoes acabados

Anónimo disse...

O Chiquinho voltou após mais um dia de hibernação. ah ah ah!
Outra vez, sem nada para apresentar para contrariar o Prada.
Está provado: O Cafofo mentiu! Outra vez. Pela enésima vez.

Anónimo disse...

José Francisco,
Saliva ofegantemente e abana a cauda insistentemente para ser recebido de volta pelo seu dono Cafofo?
Mas seja sério. Não brinque com as palavras. Para brincar com números, já basta o seu amo a quem voce bajula
Que tem "A Câmara Municipal do Funchal encerrou as contas do ano de 2016 com 6,2M€ positivos e um passivo na ordem de 185,9M€" a ver com os factos que o Prada acusou o Cafôfo onde se prova que Cafofo mentiu várias vezes?
Cumprimentos

Anónimo disse...

Bem desmascarado, Prada.
Continua assim Esperamos que na próxima semana "batas" outra vez no careca

Anónimo disse...

Zé Francisco, se não tens nada para acrescentar, não é obrigatório escrever asneiras.
Achas que assim não perdes o tacho? Duvido.

Anónimo disse...

deixem lá o José Francisco , ele está onde está porque a mama fez o frete de se manter na vereação a tapar todas as viagens dos viajantes eleitos.
Coitadinha , quando um dia tiver de responder vai saber o que custa fazer fretes.