sexta-feira, 30 de junho de 2017

Autárquicas 2017


Raquel Coelho denuncia o abandono do projeto das hortas urbanas pela Câmara Municipal do Funchal



A deputada e dirigente do PTP/Madeira Raquel Coelho, cabeça de lista do partido às Eleições Autárquicas no Funchal, deslocou-se hoje à freguesia de São António, mais precisamente às hortas urbanas do Laranjal, para denunciar "o abandono" deste projecto por parte do executivo camarário.



Segundo a candidata «há cerca de dois anos que o projecto está em auto-gestão. As inscrições para aquisição de novas hortas urbanas estão encerradas, quando existe muitos terrenos ao abandono, que são autênticos barris de pólvora para os incêndios e que poderiam ser alugados para a prática da agricultura».



A dirigente do PTP defende que a agricultura é o meio mais eficaz de se proteger o território dos incêndios, mas que são necessárias políticas de fomento por parte das entidades públicas «o Presidente da Câmara do Funchal criou o gabinete da cidade para estudar um plano para proteger as populações de calamidades naturais e depois as medidas mais fáceis e eficazes de se implementar, são deixadas de lado».



No local, Raquel Coelho, mostrou que muitas das hortas urbanas existentes estão ao completo abandono, por falta de condições « não existe água de rega, nem há qualquer manutenção e investimento camarário nesse sentido»,

«O senhor Paulo Cafôfo, está mais preocupado em posar para a fotografia, em andar nos beberetes e eventos sociais e esquece-se daquilo que é fundamental para a segurança e bem estar dos funchalenses», concluiu a candidata. 
Texto e foto: PTP​

9 comentários:

Anónimo disse...

E fez muito bem, isso foi uma ideia de palhaçada da Rubina/Albuquerque. Numa terra turística isso era uma grande vergonha.

Anónimo disse...

Estou surpreendido, tem feito boas iniciativas.

Anónimo disse...

Estão mais de mil pessoas à espera de hortas urbanas- chama palhaçada a isto?!

Anónimo disse...

como é que Cafofo ia manter as hortas municipais , ele que é que os munícipes vão ao pingo doce .

Anónimo disse...

Foto tao amadora. Ficaram as maos de fora. Tanto dinheiro gasto em assessores nem uma foto sabem tirar.

Anónimo disse...

Era o que faltava o dinheiro dos meus impostos serem para adquirir terrenos para dar de BORLA/BORLIX para os outros fazerem Patuscadas dentro da Cidade do Fx que é uma Cidade Turistica.
Querem terrenos que os COMPREM, há muitos para venda em SANTANA, vão lá adquirir e cultivar.
Agora este pessoal quer tudo a borla: É Casa, Carro e Terreno para Cultivar/Fazerem Patuscadas, por acaso não querem que mande uma Empregada Doméstica fazer a Cama para a noite se deitarem?
Acabar e já com essa Treta feita pela Rubina que só está a denegrir o Funchal.

Anónimo disse...

É mesmo invejoso, ressabiado e de má índole esse Cafofo. Só deixou esse projeto ao abandono por ser da autoria do executivo anterior!
Ele nem pensa nos municípes... Só vive para o seu próprio umbigo!
Doentias estas guerras partidárias, que quem sofre são as pessoas.
Em outubro vais para a rua Cafofo!

Anónimo disse...

Pois mas o problema é que o dinheiro dos nossos impostos vai para outras tontices ainda mais absurdas, olha gabinete da cidade, custou 45 mil euros. De que que forma ajudaram o Funchal?

Anónimo disse...

Tu e que nem chegas a vereadora.