domingo, 18 de junho de 2017

Santa Cruz solidária com Pedrógão Grande


Filipe Sousa lamenta tragédia dos incêndios


A Câmara Municipal de Santa Cruz, na pessoa do Presidente Filipe Sousa e de toda a sua equipa, manifesta a sua solidariedade para com as vítimas de Pedrógão Grande, os seus familiares e todos os autarcas abrangidos por esta tragédia.

Um sentimento que acreditamos ser partilhado por todos os santacruzenses e madeirenses em geral.

Nesta hora de luto e de profunda tristeza, este Município envia a todos um abraço solidário, destacando o esforço de todos os que se empenham no combate às chamas e no socorro às vítimas.

De Santa Cruz, um abraço de força para Pedrógão Grande.
Câmara de Santa Cruz

8 comentários:

Anónimo disse...

Um bem haja por esta atitude.
Conhece-se a personalidade, a maneira de ser e estar das pessoas são nestas ocasiões dificieis da vida.
Um muito obrigado.

Ainda não vi a Solidariedade da Região para com estes incêndios, ou só funciona em sentido contrário???

Anónimo disse...

Era Bom que o rapaz mandasse um chequezinho de apoio às vítimas, agora conversa fiada está o mundo cheio, dói não dói

Anónimo disse...

Pelo menos por lá dariam melhor encaminhamento daquele que foi feito por cá.

Anónimo disse...

É bom que o camarada verdinho se vá preocupando com a prevenção no seu concelho, porque não tem feito nada por isso.

Anónimo disse...

o texto foi preparado pelos famosos advogados dos milhoes?

Anónimo disse...

Os fariseus do PSD, querem solidariedade de Lusboa, sempre constantemente na pedincha, mas o Miguel Promessas, nem uma palavra para os compatriotas, alias para com o povo atingido por esta calamidade, monstros insensiveis...

Anónimo disse...

Comentário das 07,04h
Ele o Miguel Promessas quer é só chular, chular. chular.
Nesta terra o que se produz? Só os fariseus e salteadores dos renovadinhos que agora veem tomar de assalto a Camara com o Reformado(que já tem uma pensão dourada e vem tirar lugar de trabalho a outro).

Anónimo disse...

Também se produzem ressabiados.