quarta-feira, 22 de março de 2017

Comunicado sobre o encerramento do balcão da CGD


PSD local diz que o governo socialista 
de Lisboa avalia o Porto Moniz como 'lixo'



A ordem de encerramento do único balcão da Caixa Geral de Depósitos no Porto Moniz, suscita da parte da Comissão Política Concelhia do PSD, os seguintes comentários:
  1. Lixo! É esta a avaliação que o Governo Socialista da República atribui ao concelho do Porto Moniz, curiosamente liderado também pelo socialista Emanuel Câmara;
  2. Neste caso, não é o PSD nem o Governo da Região, mas sim António Costa que dá nota negativa à gestão socialista neste concelho, após a notícia de que a Caixa Geral de Depósitos, banco do estado, vai fechar o seu único balcão, situação única na Madeira;
  3. Esta decisão apenas vem dar razão às nossas posições políticas ao longo do mandato de Emanuel Câmara, quando denunciávamos o esbanjamento desmedido em festas, convívios, passeios e publicidade e o desinvestimento e pouca importância atribuída aos sectores económicos mais importantes no concelho, nomeadamente agricultura e turismo;
  4. Em três anos, a fraca gestão autárquica empobreceu o concelho com a subsídio dependência, não houve criação de emprego, não nenhum licenciamento com vista a investimento privado, os jovens e adultos continuam a emigrar e nascem cada vez menos crianças. Situação que terá certamente contribuído para esta decisão da CGD;
  5. Mesmo com 4 Milhões de euros no banco, o executivo Camarário não foi capaz de dinamizar a economia local;
  6. Não foi também capaz, sendo da mesma cor política, de negociar, no sentido de evitar este encerramento, faltando-lhe as faculdades, dentro do próprio partido socialista, para defender os interesses da população do Porto Moniz;
  7. Esta é sem dúvida a prova de que este Concelho foi o único da Região que desceu economicamente, encontrando-se numa regressão social e económica nunca antes vista, com uma Câmara moribunda e de cofres cheios, que gasta 400 mil euros em festas, deixando o povo cada vez mais pobre e dependente do subsídio.

Porto Moniz, 22 de março de 2017
O Presidente da Concelhia do PSD/Porto Moniz
Nélio Rodrigues

19 comentários:

Anónimo disse...

Afinal quem é o candidato do PSD no Porto Moniz? Gabriel Farinha, Rui Nelson ou Nélio Rodrigues?

Anónimo disse...

Segundo parece o próximo balcão da CGD a encerrar na Madeira será o da Ponta do Sol, onde a Câmara é gerida pelo PSD. Será que este partido se irá insurgir tão veementemente contra o actual presidente se tal vier a acontecer?

Gonçalves disse...

Deixa estar que em São Vicente a situação é a mesma. Mas o ppd apoia. Como é que ficamos?

Anónimo disse...

Um comunicado para mentecaptos e parolos!

Anónimo disse...

Ao que chegou esta tristeza de psd renovadinho... comunicado da trampa. O presidente da CGD n foi ministro do passos coelho? Porque não se queixar ao PC lololl só mesmo a rir parolos

Anónimo disse...

Andam desesperados...estão a ver que depois das autárquicas vai ser pontapé no rabo aos renovadinhos e será uma medida de saúde pública...a bem do partido e da região só safa mesmo é o secretário da saúde mas mesmo esse c blocos as moscas RM que não funcionam medicamentos básicos que faltam ambulâncias paradas pessoal a fazer de conta tb não vai muito longe e pena se ter misturado com esta gente...

Anónimo disse...

onde anda o presidente da Camara ?
parolo é ele

Anónimo disse...

Já me perdi! Quem é o candidato do PSD do Porto Moniz?

Anónimo disse...

Acho que não percebi bem, é o psd a falar de esbanjamento excessivo? O psd? O da dívida brutal e oculta? Meus senhores, esbanjar é muito mau, seja por que partido for, mas nisso, é melhor o psd estar calado.

Anónimo disse...

Moribundo é este PSD representado por pessoas raivosas que vomitam ódio por todos os cantos, não são e não sabem o que é ser social-democrata, este tipo de gente oportunista, envergonha a social-democracia e os verdadeiros e genuínos sociais-democratas.
Gente deste calibre, pela sua postura, não serve como oposição e muito menos como governante. Num verdadeiro Partido Social-democrata este tipo de atitudes e indivíduos não seriam admitidos, depois admiram-se porque definha o partido.
Apesar de todos os defeitos que lhe apontam deixem lá ficar o Emanuel porque faz um trabalho melhor e mais honesto do que estes tipos.

Anónimo disse...

Bem visto comentador das 18.04. É que ao ler o comunicado pensei estar-se a falar de S. Vicente. Ajudar os pobres, esbanjar dinheiro, falcatruas camarárias, desenvestimento na juventude e turismo, contrariamente ao prometido,trabalho precário para os jovens resistentes e dinheiros ao bolso, só em São Vicente e com apoio do PSD. Cuidado não se enganem, caros amigos.

Anónimo disse...

São tão parecidos os presidentes de S. Vicente e Porto Moniz que agora percebo porque dào-se tão mal.Bem "aja" ou bem "haja" aos dois.

Anónimo disse...

O PSD só perde com este tipo de comentários. As pessoas sabem que a Caixa Geral de Depósitos tem um Conselho de Administração que decide a abertura ou encerramento de agências. Sabe também que o Go verno não interfere em questões de pormenor da sua gestão. Quando confundem o povo, só se enterram. Amigo Rui Nelson o chico esperto que fez esta notícia quer no fundo é de lixar.

Anónimo disse...

O PSD a atacar o funcionário do Jaime Ramos

Anónimo disse...

Parece que a política no Porto Moniz gira à volta dos bancos, não havia no rol de candidatos do PSD lá um tipo qualquer armado em bancário?

Anónimo disse...

Tanta preocupação pelo candidato do PSD e que tal questionar o Sr.Emanuel se gastou mais de €20.000 num projeto para os idosos e uma cópia do que se fez em S.Vicente e para pagar a 2 pessoas que por acaso um era o filho.Um artista que quando estava na oposição dizia que o Alberto João arranjava tachos para a Família e dinheiro público e utilizar Idosos para doar a um filho não é crime?

Anónimo disse...

Mas o que raio tem o governo a ver se a CGD fecha uma agência onde o diabo deixou as botas ?
A reestruturação da CGD implica fecho de 180 agências e reformas antecipadas e acordos amigáveis para a saída de 2000 funcionários. Isso foi acordado com a UE, e espero que seja rapidamente feito porque já estou farto de pôr dinheiro dos meus impostos na banca. Seja pública ou privada. Estou farto.

Anónimo disse...

Concordo com o comentador de 22 de março de 2017 às 22:06, o PSD está a dar tiros nos pés com este tipo de intervenções. Já agora eu sou dono de um banco posso levá-lo para o Porto Moniz se quiserem.
PS. Sou carpinteiro e tenho um banco (de madeira).

Anónimo disse...

Rui Nelson cuidado que os PPD's que fabricam estas notícias só beneficiam o Emanuel Câmara. Abre o olho amigo porque o Farinha ainda mexe e faz disparar estas não notícias.